Flabelo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Flabelo (do latim Flabellum: leque, diminutivo de Flabrum: soprar dos ventos) é um grande leque de penas de avestruz usado nos cortejos papais1 .

Os Flabelos sempre são usados em número de dois e são levados por membros da corte papal chamados flabelíferos. Eram usados por altos dignitários no Oriente e na África. Também lembram o antigo costume romano, de durante os sacrifícios e refeições , os flabelíferos agitarem seus flabelos para afastarem insetos e resfrescarem o ambiente. Nos ritos orientais, ainda se empregam flabelos nas celebrações litúrgicas , mas estes são distintos dos flabelos papais, sinal de distinção do Romano Pontífice. No rito bizantino, esta peça tem o nome de ripídio.

Também são muito usados no carnaval pernambucano nos chamados:blocos carnavalescos líricos, o flabelo é o equivalente ao estandarte, à semelhança de um leque, que apresenta a identificação do bloco.

Referências

  1. Rower, Basílio. Dicionário litúrgico. Petrópolis: Vozes, 1947. 233 p. p. 109.
Ícone de esboço Este artigo sobre o Vaticano é um esboço relacionado ao Projeto Europa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.