Fluxo de caixa livre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Fluxo de Caixa Livre (FCL) ou Fluxo de Caixa da Empresa (FCE), em inglês Free Cash Flow, trata diretamente dos direitos dos proprietários do Patrimônio Líquido, dos preferencialistas e dos financiadores. O cálculo do FCL ou FCE é realizado a partir do Lucro Operacional, incluindo Impostos, antes de qualquer remuneração aos donos de capital mencionados. O (FCL)de uma empresa alavancada será maior que o Fluxo de caixa do acionista(FCA) dessa empresa, conquanto, tais fluxos serão iguais, para uma empresa livre de dívidas (não-alavancada).

O cálculo do FCL ou FCE pode ser obtido de duas maneiras:

Cálculo do FCL (modelo 1)[editar | editar código-fonte]

A partir do FCA, soma-se o custo da dívida após pagamento de Impostos (Juros), os pagamentos da Dívida Nominal e os direitos dos Sócios Preferencialistas (dividendos portadores de ações preferenciais), além disso, diminuindo as Novas Emissões de Dívida.

Fluxo de Caixa do Acionista(FCA)

(+) Despesas Financeiras (Juros) calculadas como (1- alíquota fiscal)

(-) Pagamentos da Dívida Nominal

(-) Novas Emissões da Dívida

(+) Dividendos Preferenciais

(=) Fluxo de Caixa Livre (FCL) ou Fluxo de Caixa da Empresa (FCE)

Ou

(+) EBIT

(-) Depreciações

(-) Amortizações

(=) EBITDA

(+) Gastos de Capital (Capital Expenditures)

(*) 1-Taxa de imposto sobre a Sociedade (alíquota fiscal)

(-) Novas Emissões da Dívida

(=) Fluxo de Caixa Livre (Free Cash Flow)

Lembrando que o FCA é descontado pelo Custo do Patrimônio Líquido (Ke)(Custo da Equity), a “Despesa Financeira (Juros)” já contempla o benefício da dívida (deve ser considerada apenas a dívida remunerada - net debt - tendo em conta que é só esta que gera encargos para a Sociedade, já que, por exemplo, divídas a fornecedores, normalmente, nao tem juros), Dividendos preferenciais descontados pelo Custo das Ações Preferenciais. Outro ponto a ser destacado é a condição referente ao uso do Weighted Average Cost Of Capital (WACC) para descontar o fluxo quando se usa o Discount Cash Flow Model (Modelo dos fluxos de caixa descontados)

Cálculo do FCL (modelo 2)[editar | editar código-fonte]

A estimativa dos Fluxos de Caixa da Empresa pode ser obtida a partir do Lucro antes do pagamento de juros e de impostos, EBIT sensibilizado pelo benefício da dívida, somando a depreciação, diminuindo os Desembolsos de Capital e a Necessidade de Capital de GIRO (NCG).

(=) Lucro antes do pagamento de juros e impostos (EBIT) (1- alíquota fiscal)
(+) Depreciação e Amortização

(=) EBITDA (-) Desembolsos de Capital

(+) Gastos de Capital de Giro (Capex)

(-) Ganhos de Capital))

(*) 1-Taxa de imposto sobre a Sociedade (alíquota fiscal)

(-) Novas Emissões da Dívida E CREDITO

(=) Fluxo de Caixa Livre (FCL) ou Fluxo de Caixa da Empresa (FCE)

Referências[editar | editar código-fonte]

Damodaran, Aswath. Avaliação de Investimentos. Rio de janeiro, Qualitymark, 1997;

Damodaran, Aswath. Finanças Corporativas Aplicadas: Manual do Usuário. Tradução: Jorge Ritter. Porto Alegre: Bookman, 2002.

Damodaran, Aswath. A Face Oculta da Avaliação. São Paulo: Makron Books, 2002.

Damodaran, Aswath. Finanças corporativas: teoria e prática. Porto Alegre. Bookman. 2004.