Fotofosforilação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A fotofosforilação é um processo de síntese de ATP a partir de ADP + fosfato levado a cabo pelas ATP sintases da membrana do tilacoide, nos cloroplastos das células vegetais. É um processo da fase luminosa da fotossíntese no qual se utiliza a energia libertada no transporte de elétrons para bombear prótons desde o estroma para o interior da tilacoide com o fim de criar um gradiente electroquímico, o qual, ao dissipar-se devido à saída de prótons do tilacoide para o estroma através das ATP-sintases, acopla esta energia à fosforilação do ADP para formar ATP. A energia necessária é proporcionada pela luz que é captada pelos pigmentos fotosintéticos.

Tipos[editar | editar código-fonte]

Existem dois tipos:

Um fotossistema é o conjunto mínimo de componentes necessários para levar a cabo o processo de fotossíntese. É um centro de reação que se situa, junto com muitos outros, nas membranas dos tilacoides. Permite receber a energia luminosa e transmiti-la ao longo de uma cadeia de reações que a transforma em energia química.

Ícone de esboço Este artigo sobre Botânica é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.