Hermíone

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde Abril de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Hermíone na mitologia grega é filha de Menelau e de Helena.[1] Quando tinha nove anos de idade, foi abandonada pela mãe, quando esta fugiu com Páris para Troia,[1] que só retornaria dez anos depois. Uns anos mais tarde, Hermione se casou com Neoptólemo, filho de Aquiles, se tornando rainha de Épiro. Mandou assassiná-lo, pois tinha muitos ciúmes de Andrômaca, amante de seu marido, com quem ele tinha três filhos. Hermione tornou-se então esposa de Orestes (a quem já havia sido prometida), que era seu primo e simultaneamente o assassino de Neoptólemo. Teve Tisâmeno e viveu muitos anos como rainha de Esparta, Micenas e Épiro.

Referências

  1. a b Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, Epítome, 3.3

Ligações externas[editar | editar código-fonte]