Inês de Anhalt-Dessau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Inês de Anhalt-Dessau
Duquesa de Saxe-Altemburgo
Princesa de Anhalt-Dessau
Duquesa de Saxe-Altemburgo
Período 3 de Agosto de 1853 - 23 de Outubro de 1897
Predecessor Maria Luísa de Mecklemburgo-Schwerin
Sucessor Adelaide de Schaumburg-Lippe
Cônjuge Ernesto I de Saxe-Anhalt
Descendência
Maria de Saxe-Altemburgo
Jorge de Saxe-Altemburgo
Pai Leopoldo IV de Anhalt-Dessau
Mãe Frederica Guilhermina da Prússia
Nascimento 24 de Junho de 1824
Dessau, Alemanha
Morte 23 de outubro de 1897 (73 anos)
Hummelshain, Alemanha

Inês de Anhalt-Dessau (Frederica Amália Inês), (24 de junho de 1824 - 23 de outubro de 1897) foi a filha mais velha do duque Leopoldo IV de Anhalt-Dessau e da sua esposa, a princesa Frederica Guilhermina da Prússia. Era um membro da Casa de Ascania e, por casamento, foi uma duquesa de Saxe-Altemburgo.

Família[editar | editar código-fonte]

O pai de Inês, o duque Leopoldo, era filho de Frederico, príncipe-herdeiro de Anhalt-Dessau e da sua esposa, a condessa Amália de Hesse-Homburgo. A sua mãe era a princesa Frederica Guilhermina, filha do príncipe Luís Carlos da Prússia, irmão do rei Frederico Guilherme III da Prússia.

Inês era irmã mais velha do duque Frederico I de Anhalt-Dessau e da princesa Maria Ana de Anhalt-Dessau. Através de Maria Ana, Inês era tia das princesas Maria da Prússia, Isabel Ana da Prússia e Luísa Margarida da Prússia.

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

No dia 28 de abril de 1853, Inês casou-se com o duque Ernesto I de Saxe-Altemburgo.[1] Ernesto era filho do duque Jorge de Saxe-Altemburgo e da duquesa Maria Luísa de Mecklemburgo-Schwerin, e sucedeu ao seu pai nesse mesmo ano. Juntos tiveram dois filhos:

  1. Maria Frederica Leopoldina Jorgina Augusta Alexandra Isabel Teresa Josefina Helena Sofia (2 de agosto de 1854 - 8 de outubro de 1898), casada no dia 19 de Abril de 1873 com o príncipe Alberto da Prússia.
  2. Jorge Leopoldo Ernesto José Alexandre Frederico Luís João Alberto (1 de fevereiro de 1856 - 29 de fevereiro de 1856)

Como o único filho do casal morreu ainda bebé, o ducado acabaria por ser herdado pelo primo de Ernesto, Ernesto II, após a morte deste em 1908.

Vida[editar | editar código-fonte]

Inês era vista como uma pintora de talento.[2]

Tal como muitas nobres do seu tempo, interessava-se por obras de caridade, principalmente o tratamento de soldados feridos durante a Guerra franco-prussiana.

Em 1878, como prenda pelo 25.º aniversário de casamento, Ernesto ofereceu-lhe uma miniatura da Ordem da Cruz do Rei, primeira classe, uma ordem recém-criada da Casa Saxe-Ernestina.

Inês morreu no dia 23 de outubro de 1897, aos 73 anos.

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Inês de Anhalt-Dessau em três gerações[3]
Inês de Anhalt-Dessau Pai:
Leopoldo IV de Anhalt-Dessau
Avô paterno:
Frederico de Anhalt-Dessau
Bisavô paterno:
Leopoldo III de Anhalt-Dessau
Bisavó paterna:
Luísa de Brandenburg-Schwedt
Avó paterna:
Amélia de Hesse-Homburgo
Bisavô paterno:
Frederico V de Hesse-Homburgo
Bisavó paterna:
Carolina de Hesse-Darmstadt
Mãe:
Frederica Guilhermina da Prússia
Avô materno:
Luís Carlos da Prússia
Bisavô materno:
Frederico Guilherme II da Prússia
Bisavó materna:
Frederica Luísa de Hesse-Darmstadt
Avó materna:
Frederica de Mecklemburgo-Strelitz
Bisavô materno:
Carlos II de Mecklemburgo-Strelitz
Bisavó materna:
Frederica de Hesse-Darmstadt

Referências

  1. [1]
  2. Heinrich Ferdinand Schoeppl: Die Herzoge von Sachsen-Altenburg. Bozen 1917, Neudruck Altenburg 1992.
  3. The Peerage, consultado a 11 de Junho de 2013