Iris (ópera)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Iris
Idioma original Italiano
Compositor Pietro Mascagni
Libretista Luigi Illica
Número de atos 3
Ano de estreia 1898
Local de estreia Roma, Teatro dell'Opera di Roma

Iris é uma ópera em três atos de Pietro Mascagni com libreto original italiano de Luigi Illica. A sua primeira apresentação foi no Teatro dell'Opera di Roma em Roma, em 22 de novembro de 1898.

A ópera é completamente ambientada no Japão durante a época lendária e segue a moda daqueles momentos do exotismo oriental. Giacomo Puccini, amigo de Mascagni, esteve presente na estreia, mas está longe de ser coincidência que a sua ópera Madama Butterfly, apresentada pela primeira vez em 1904, fosse também ambientada no Japão.

Como acontece com todas as óperas completas de Mascagni, Iris é raramente executada, mesmo na Itália. Dois dos números mais memoráveis da ópera são Serenata do Tenor ("Apri la tua finestra") e o Hino ao Sol ("Inno al Sole").

Papéis[editar | editar código-fonte]

Papel Voz Primeira apresentação, 22 de novembro de 1898
(Regente: Pietro Mascagni)
Iris soprano Hariclea Darclée
Il Cieco baixo Giuseppe Tisci Rubini
Osaka tenor Fernando De Lucia
Kyoto barítono Guglielmo Caruson
Geisha soprano Ernestina Tilde Milanesi
Haberdasher tenor Eugenio Grossi
Rag merchant tenor Piero Schiavazzi
Coro: lojistas, gueixas, meninas da lavanderia, samurai, cidadãos

Referências

  • Este artigo foi elaborado a partir de tradução do artigo Iris (opera), da Wikipédia em inglês, que se encontrava nesta versão.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Warrack, John and West, Ewan (1992), The Oxford Dictionary of Opera, 782 pages, ISBN 0-19-869164-5