Kolmanskop

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Duas casas abandonadas em kolmanskop
Selos para German South West Africa carimbo Kolmannskuppe 1912

Kolmanskop, (em Alemão: (kolmannskuppe) é uma cidade-fantasma no deserto da Namíbia construída em 1908, a poucos quilômetros da cidade portuaria de Lüderitz. A cidade foi habitada por alemães.Sua construção tinha como objetivo a busca por diamantes, e foi abandonada 40 anos depois por causa do esgotamento dos minérios. Em 1920, a cidade abrigava 300 adultos alemães, 40 crianças e 800 trabalhadores nativos. Por ser próxima a um deserto, com o passar dos anos, a areia começou a invadir o lugar. Hoje em dia, o governo da Namíbia retirou a areia de alguns locais, permitindo a visita de turistas.

O nome da cidade remonta a um transportador chamado Johnny Coleman que durante uma tempestade de areia abandonou sua carroça de boi em uma pequena elevação frente a instalação. [1]

Weblinks[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. NAMIBIA - Regions & Attractions Kolmanskop. Página visitada em 2 de abril de 2011.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Namíbia, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.