Boliche

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde fevereiro de 2008). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Pista de boliche.

O boliche (português brasileiro) ou bowling (português europeu) (pronunciado como bólingue, que é alternativa também existente mas rara[1] ) é um Desporto cujo objetivo é derrubar, com uma bola, uma série de pinos alinhados ao fundo de uma pista. Como a perícia do jogador é mais importante que a sua força ou resistência física, pode-se jogar bowling por toda a vida e obter bons resultados, tanto por lazer entre amigos e familiares como por deporto em competições nacionais e internacionais.

Objetivo[editar | editar código-fonte]

Pista de Boliche de Alta Tecnologia.

O bowling tem por finalidade arremessar uma bola sobre uma pista para atingir dez pinos dispostos em uma formação triangular.

Uma partida ou uma "linha" consiste em dez jogadas (frames). Do frame 1 ao 9 o jogador tem direito a dois arremessos no máximo, a fim de derrubar todos os pinos "Spare". No caso de derrubar todos os pinos no primeiro arremesso - "strike" -, o jogador não deve arremessar a segunda bola. No décimo frame existe a possibilidade de três arremessos. Se nos dois primeiros arremessos foram derrubados os 10 pinos "spare", ou se foi(foram) feito(s) 1 ou 2 "strikes" haverá o terceiro arremesso.

Quando um atleta consegue dois strikes seguidos, ele faz um "lique" ou "duque". O número máximo de pontos numa partida é 300, conseguidos com doze strikes.

Área de arremesso (approach)[editar | editar código-fonte]

Antes do início da pista, existe uma área denominada "approach" ("aproximação", "acesso", "chegada", em inglês), com espaço suficiente para que o jogador dê alguns passos e arremesse a bola. Não se pode jogar boliche com sapatos comuns ou com tênis de sola de borracha. Esses calçados, além de danificarem o "approach", não permitem que o jogador possa escorregar levemente com seu pé de apoio - esquerdo, para os destros - ao fim do movimento de largar a bola.

Recomenda-se que o jogador, enquanto se prepara para jogar (antes de subir no "approach"), observe as pistas próximas, tanto à sua esquerda quanto à direita, e não dialogue com o vizinho de pista para não atrapalhar a concentração dos jogadores. Somente o jogador da vez deverá permanecer no "approach".

Deve-se evitar também a demora para arremessar a bola: isso prejudicará a pegada - "grip" - nos furos em razão do suor nos dedos, além de atrasar as jogadas dos demais jogadores.

Não se deve levar bebida ou comida até o "approach", pois qualquer sujeira na sola do sapato de boliche que impeça o seu deslizamento poderá causar um acidente.

Na prática, é comum denominar "approach" o conjunto dos movimentos do jogador desde sua entrada na pista, seu posicionamento e concentração, sua maneira de segurar e arremessar a bola até que ela chegue aos pinos.

Pistas[editar | editar código-fonte]

Pistas modernas.

As pistas oficiais são de madeira ou sintética, possuem 62 pés (ou 18,20 m) de comprimento por 1,07 metro de largura.

Tradicionalmente, a pista possui dois tipos de madeira, os 6m iniciais que correspondem à área de arremesso ("approach") e a zona onde a bola rola antes de atingir os pinos. Os pinos são montados com madeira branca e dura (maple canadense). O meio da pista até onde são colocados os pinos é feito de madeira marfim.

Constituída de 39 tábuas de 1x3" unidas pelo sistema de macho e fêmea, recebe uma aplicação de laca de poliuretano. Diariamente aplica-se sobre a pista um óleo de fabricação especial, que vai da linha de falta (em maior quantidade) diminuindo até terminar a no máximo ("long oil") 2/3 da extensão da pista (42 pés). A finalidade deste óleo é proteger o início da pista, onde as bolas estão em maior velocidade e podem ser jogadas de alguma altura.

Atualmente, a maioria dos salões está mudando para pistas sintéticas, muito parecidas com a fórmica colocada sobre um aglomerado de madeira. Esse material de 1 polegada de espessura, foi inclusive sendo testado e aprovado pela NASA. Os praticantes de bowling falam frequentemente de "leitura da pista". Isso significa que, dada a experiência do jogador, ele consegue achar o ponto de saída e a seta mais convenientes para arremessar a bola, após algumas jogadas. Essas variações (saída e seta) dependem, basicamente, das condições da pista e a forma como foi passado o óleo protetor ("short", "medium" ou "long").

Antes de iniciar-se um torneio ou campeonato os organizadores autorizam um "bate-bola" (arremessos sem a contagem dos pontos) para leitura da pista e aquecimento dos jogadores. Estes, por sua vez, fazem arremessos não só visando a saída e seta corretas para um "strike" mas também para atingir os pinos 7 e 10 o que ajuda no fechamento de "spare".

Bolas[editar | editar código-fonte]

Bolas de boliche

São fabricadas com variados materiais, tais como: borracha dura, poliuretano, poliéster, etc. Pesam entre 6 e 16 libras no máximo (2,72 kg e 7,25 kg), não devem ter mais que 8,66 polegadas (aproximadamente 22 cm) de diâmetro.

Como escolher uma bola adequada[editar | editar código-fonte]

O jogador iniciante deve ir até a prateleira de bolas e procurar por uma que lhe seja o mais confortável possível, nem muito leve (normalmente destinada às crianças) nem muito pesada (indicada para quando estiver mais familiarizado com o jogo).

Se você observar bem verá que toda "house ball" (bola fornecida pelo salão) tem um número que indica o seu peso (em libras) para auxiliar a sua escolha.

Experimente algumas bolas com pesos diferentes até achar a mais adequada ao seu estilo.

Como segurar melhor a bola[editar | editar código-fonte]

A maneira correta para uma pegada firme e confortável é introduzir o polegar no furo maior da bola e os dedos médio e anelar nos outros dois furos da bola.

Segure-a de forma correta: nem tão forte que fará com que a levante demais, nem tão fraco a ponto de soltá-la antes do ponto ideal. Para evitar esse problema, procure por bolas que tenham o tamanho dos buracos bem ajustados aos seus dedos, nem muito apertados a ponto de dificultarem a saída deles, nem tampouco muito largos pois certamente a bola irá cair de sua mão no primeiro movimento. Depois de introduzir os três dedos na bola, a palma da mão deverá "repousar" ela para indicar a melhor escolha.

Pegue a bola com as duas mãos e, se tiver que aguardar um pouco a sua vez de jogar, segure-a no braço esquerdo caso seja destro ou no direito caso seja canhoto, assim você não cansa o braço de arremesso e evita que seus dedos fiquem suados.

Atenção: ao retirar a bola da máquina de devolução segure-a de forma ao não deixar seus dedos expostos ao choque com outra bola eventualmente devolvida.

Pinos[editar | editar código-fonte]

Bola e pino.

Cada um dos 10 pinos tem aproximadamente 50 cm de altura, 20 cm de diâmetro na metade de sua altura e 7 cm na sua base, pesando cerca de 1,5 quilograma. São torneados e recebem uma capa plástica de 3 mm para proteção, sendo balanceados de acordo com as regras da FIQ (Federação Internacional) que exige um mínimo de 1.531 gramas até 1.645 gramas de peso. Na Áustria utilizam-se os pinos do tipo "urnau", com 2 cm de a mais de altura e 0,75 cm a mais de diâmetro.

Existe uma distância média de 30,5 cm entre o centro de um pino e outro.

Canaletas[editar | editar código-fonte]

Canaletas são depressões (valas), que existem à esquerda e à direita das pistas, destinadas a evitar que as bolas invadam as pistas vizinhas. As bolas lançadas são devolvidas aos jogadores por um túnel, geralmente instalado abaixo das pistas e ao lado das canaletas. Atualmente, os equipamentos de boliche mais modernos possuem dispositivos chamados "bumpers", que podem ser acionados opcionalmente pelo jogador para evitar que as bolas caiam nas canaletas. Esta ferramenta é bastante útil para jogadores novos ou crianças, ajudando a fazer com que a bola acerte os pinos nos jogos de lazer e entretenimento.

Contagem dos pontos[editar | editar código-fonte]

Homem jogando boliche.

A pontuação de uma partida ou linha varia de acordo com a quantidade de pinos e a forma como o jogador os derruba, podendo ir de zero (quando nenhum pino é derrubado nas dez jogadas ou "frames") até o máximo possível de 300 pontos, ou seja, doze "strikes" consecutivos.

É evidente que, como cada partida tem dez "frames", só seriam possíveis dez "strikes", porém se o jogador derrubar todos os pinos no primeiro arremesso do décimo "frame", ele ganha o direito de jogar mais duas bolas, conseguindo assim a chance de completar doze "strikes" numa mesma linha, embora seja muito raro isso acontecer.

Toda pista possui uma Linha de Falta com mais ou menos 1,2 polegada e na largura da pista, localizada entre o término do "approach" e o início da pista. Se o jogador pisar nesta linha, ao fazer o seu arremesso, perderá a jogada. Existem Linhas de Falta com sensores eletrônicos que detectam a falta através de células foto-elétricas e aplicam a penalidade automaticamente ao infrator, mostrando no monitor de anotações zero ponto ( – ) e, se for o primeiro arremesso, serão colocados novamente os dez pinos. Dessa forma, caso o jogador derrube os dez pinos nessa segunda jogada após a falta, será computado um "spare". Se a falta for na segunda jogada, não marcará pontos nessa, valendo apenas os pinos derrubados na primeira jogada.

Exceto quando um strike for feito, o número de pinos derrubados no primeiro lançamento do jogador deverá ser marcado no canto superior esquerdo do quadrado correspondente a cada frame, e o número de pinos derrubados em seu segundo lançamento deverá ser marcado no canto superior direito do quadrado correspondente àquele mesmo frame. Se nenhum pino for derrubado na segunda bola, o espaço referente àquele lançamento deverá ser preenchido com (-). A anotação dos dois lançamentos deverá ser feita imediatamente.

Glossário[editar | editar código-fonte]

  • 1001: apelido da figura formada quando restam os pinos 7-10. É o "split" mais difícil para se fechar (fazer "spare"), porém o seu fechamento não é impossível. Alguns jogadores já conseguiram esse feito geralmente usando a tabela lateral.
  • 2002: apelido da figura formada quando restam os pinos 4-6-7-10. (em inglês: "big ears" ou "big four" ou "golden gate")
  • "all events": total geral da pontuação de todas as partidas disputada no evento. Geralmente é usado para classificar individualmente o atleta, somando-se todas as partidas disputadas, independentemente das fases do evento (que podem ser: individual, duplas, tercetos, quartetos, quintetos, sextetos ou times)
  • "approach": área anterior à pista até a linha de falta, onde o jogador caminha fazendo os movimentos para o arremesso.
  • "back up": jogada de efeito na qual a trajetória da bola lançada com o braço direito faz uma curva à direita, ou quando lançada com o braço esquerdo faz uma curva à esquerda.
  • "baby split": figura formada quando restam dois pinos para a segunda jogada (podem ser os pinos 2-7 ou 3-10)"baby" porque a distância entre estes pinos é menor do que o diâmetro da bola, tornando possível derrubá-los fazendo a bola passar entre eles.
  • "blind": pontos do jogador ausente numa rodada de um torneio ou campeonato. Geralmente considera-se a média do jogador menos 10 pontos.
  • bola morta: alerta em voz alta dada pelo fiscal de pista ou outro jogador quando percebe que falta algum pino no lançamento da primeira bola, invalidando a jogada.
  • "break point": espaço onde a bola jogada com efeito "prende-se" à pista fechando a sua trajetória em direção ao "pocket".
  • broche de ouro: quando se consegue três "strikes" consecutivos no fechamento da linha.
  • canaleta: depressão que existe à esquerda e à direita da pista, destinada a evitar que a bola invada as pistas vizinhas.
  • "double" ("duque" ou "ligue"): quando se consegue dois "strikes" consecutivos.
  • "dutch" 200: uma partida de exatamente 200 pontos conseguida através de "strikes" e "spares" alternados.
  • encarar: quando a bola atinge o pino 1 frontalmente, geralmente resulta em "split" ou "furo"
  • "five bagger" (ou "quina-ligue"): quando se consegue cinco "strikes" consecutivos.
  • "four bagger" (ou "quadri-ligue") quando se consegue quatro "strikes" consecutivos.
  • "frame": cada uma das dez jogadas possíveis, cada "frame" permite a jogada de até duas bolas (se fizer "strike" na primeira bola lançada muda-se de "frame"). O décimo "frame" permite três bolas desde que se consiga primeiramente um "strike" ou um "spare"
  • fritar ou furar: errar totalmente o(s) pino(s). (em inglês "open" ou "miss")
  • "handicap"(hdp): vantagem numérica utilizada para haver equilíbrio entre jogadores de níveis diferentes, resultante de um cálculo segundo uma fórmula que varia conforme as regras do evento.
  • "hook": jogada de efeito em que a bola lançada com o braço direito faz uma curva à esquerda.
  • "house ball": denominação das bolas de boliche destinadas ao público, pelos centros de boliche
  • "in a row" ("na fila" ou "em seguida"): mensagem que aparece em alguns monitores do sétimo ao décimo primeiro "strikes" consecutivos.
  • João e Maria: figura que resulta da posição de dois pinos, um atrás do outro, restantes após o primeiro lançamento (podem ser os pinos 1-5 ou 2-8 ou 3-9) os americanos chamam o pino escondido e esta figura de "mother in law" = "sogra".
  • linha: partida ou jogo ("game").
  • linha ou partida real: quando se consegue completar uma linha somente com "strikes" e/ou "spares".
  • linha ou partida perfeita ou 300: quando se consegue completar uma linha somente com "strikes". O máximo que se consegue numa mesma linha são DOZE "strikes", embora tenha 10 frames, o décimo "strike" consecutivo numa mesma linha dá o bônus de mais 2 jogadas extras. A pontuação máxima, sem "handicap", é de 300 pontos.
  • mensageiro ou pescador: apelido do pino que atravessa o pin-deck depois dos demais. Por sorte, às vezes, esse pino derruba o último pino em pé.
  • "pacer" (pronuncia-se "pêicer"): denominação do jogador que participa de uma ou mais rodadas de um torneio, porém sem que sua pontuação seja considerada na classificação ou premiação. Geralmente o "pacer" substitui alguém para completar o grupo e não alterar o ritmo de jogo.
  • pêndulo: movimento realizado para lançamento lançamento da bola.
  • "pin deck": área localizada no final da pista, onde ficam os 10 pinos montados em formato triangular.
  • pino mestre: apelido do pino 1. Diz-se que o jogador erra a jogada quando a primeira bola não atinge o pino 1.
  • "pocket" (em inglês significa "bolso") diz-se quando a bola "encaixa" com precisão entre entre os pinos 1-3, quando o jogador é destro ou 1-2 quando é canhoto.
  • "poff": quando restam dois pinos próximos um do outro e a segunda bola acerta apenas o pino da frente.
  • "qualifying": denominação de um torneio classificatório, normalmente destinado a selecionar um grupo de jogadores que irão participar de outro evento.
  • "railroad": figura formada quando restam pinos separados por distancia maior, o que torna obrigatório o lançamento de um ou mais pinos sobre o(s) outro(s). (por exemplo: 4-10, 6-7, 5-7, 5-10, 2-10, 2-4-10 etc) * vide "split".
  • "round robin": sistema de disputa no qual cada jogador joga contra todos os outros conforme uma tabela escalonada.
  • "six pack": (ou "sena-ligue") quando se consegue seis "strikes" consecutivos.
  • "spare": derrubar os pinos restantes na segunda jogadas (seu símbolo é um travessão "/").
  • "split": figura formada quando restam pinos afastados um do outro (exceto quando um deles é o pino 1), dificultando o fechamento do "spare". Obs.: em alguns monitores tal jogada é sinalizada por um retângulo ou círculo vermelho em volta do número de pinos derrubados na primeira jogada.
  • "split" garaginha: figura formada quando restam dois pinos paralelos sendo possível derrubá-los passando a bola entre os dois (podem ser os pinos 2-3 ou 4-5 ou 5-6 ou 7-8 ou 8-9 ou 9-10).
  • "scratch": denominação da pontuação obtida sem o acréscimo do "handicap".
  • "strike": derrubar todos os dez pinos na primeira jogada(seu símbolo é a letra xis "X ").
  • "turkey" ("tri-ligue" ou "peru"): quando se consegue três "strikes" consecutivos (em inglês" turkey" significa "peru", daí surgir em alguns monitores de vídeo o desenho dessa ave).
  • "washout": figura formada quando restam os pinos 1-2-4-10 ou 1-2-10 para os destros ou 1-3-6-7 ou 1-3-7 para os canhotos

Referências

Commons
O Commons possui multimídias sobre Boliche