Magnus Pegelius

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Magnus Pegelius
Medicina, matemática
Nacionalidade Alemanha Alemão
Nascimento 15 de Maio de 1547
Local Rostock, Alemanha
Morte 1619 (72 anos)
Local Estetino, Alemanha
Atividade
Campo(s) Medicina, matemática

Magnus Pegelius (Rostock, 15 de Maio de 1547Estetino, 1619) foi um médico e matemático alemão. Também é referido como Magnus Pegel.

Magnus Pegel era filho do professor de Retórica Konrad Pegel[1] . Pegelius foi um dos primeiros autores a tratar sobre a teoria da transfusão de sangue, em 1604.

Em 1570 tornou-se doutor na Faculdade de Medicina com um tratado que falava sobre a peste. Em Rostock deu aulas de matemática e de astronomia. Em 1589 se casou com uma filha do prefeito de Rostock. Magnus Pegel foi contemporâneo de Tycho Brahe (1546-1601) e Jost Bürgi[2] (1552-1632), com quem deve ter feito contato.

Em 1593/1594 tornou-se reitor da Universidade de Rostock.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • "Disputatio de peste"
  • "Universi seu mundi Diatyposis"
  • "Thesaurus rerum selectarum"
  • "Aphorismi thesum selectarum"

Referências

  1. Konrad Pegel (14 de abril de 1487 — 13 de novembro de 1567), foi teólogo, Professor de Pedagogia e reitor da Universidade de Rostock
  2. Jost Bürgi (28 de Fevereiro de 1552 — 31 de Janeiro de 1632), matemático, relojoeiro e fabricante de instrumentos astronômicos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]