Matemático

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde agosto de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Arquimedes foi um dos maiores matemáticos da antiguidade.

Um matemático é uma pessoa com um grande conhecimento de matemática e que utiliza esse conhecimento em seu trabalho, geralmente para resolver problemas matemáticos. A matemática lida com números, dados, coleções, quantidades, estruturas, espaço, modelos e variações.

Os matemáticos envolvidos na resolução de problemas fora da matemática pura são chamados de matemáticos aplicados. Matemáticos aplicados são cientistas matemáticos que, com seu conhecimento especializado e metodologia profissional, abordam vários dos problemas imponentes em áreas científicas relacionadas. Com foco profissional em uma grande variedade de problemas, sistemas teóricos e construções localizadas, os matemáticos aplicados trabalham regularmente no estudo e na formulação de modelos matemáticos. As carreiras de matemático e de matemático aplicado estão entre as chamadas áreas STEM (ciência, tecnologia, engenharia, matemática)[1]

A disciplina de matemática aplicada se preocupa com os métodos matemáticos que normalmente são utilizados em ciência, engenharia, negócios e indústria; assim, a "matemática aplicada" é uma ciência matemática com conhecimento especializado. O termo "matemática aplicada" também descreve a especialidade profissional em que os matemáticos trabalham em problemas, muitas vezes concretos mas às vezes abstratos. Como profissionais focados na resolução de problemas, os matemáticos aplicados investigam a formulação, o estudo e a utilização de modelos matemáticos na ciência, engenharia, negócios, e outras áreas de prática matemática.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Não há Prêmio Nobel em matemática, apesar de que alguns matemáticos ganharam o Prêmio Nobel em uma área diferente, como economia. Entre os prêmios de destaque em matemática estão o Prêmio Abel, a Medalha Chern, a Medalha Fields, o Prêmio Gauss, o Prêmio Nemmers, o Prêmio Balzan, o Prêmio Crafoord, o Prêmio Shaw, o Prêmio Steele, o Prêmio Wolf, o Prêmio Schock, e o Prêmio Nevanlinna.

Citações[editar | editar código-fonte]

Um matemático é uma máquina que transforma café em teoremas.
—Atribuído a Alfréd Rényi[2] e Paul Erdős.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Thinking About a STEM Career: Read This! (em inglês) The Learning Curve. Página visitada em 10 de maio de 2013.
  2. Biography of Alfréd Rényi (em inglês) History.mcs.st-andrews.ac.uk. Página visitada em 17 de agosto de 2012.

Ver também[editar | editar código-fonte]