Martelo (arma)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Reprodução moderna do martelo de guerra

O martelo, como arma, é um instrumento perfurocontuso por um lado, e/ou contuso, do outro, usado possivelmente deste a Idade da Pedra, mas que ganhou aperfeiçoamento bélico durante a Idade Média, com uso similar à maça e outras armas empunhadas pelos cavaleiros.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Assim como o martelo, do qual deriva, essa arma possui uma cabeça e um cabo, em desenho em tudo análogo à ferramenta. O cabo tinha comprimentos diversos, podendo ser tão comprido que se assimilava à alabarda, e mais curtos, tal como a maça.

Os martelos longos eram armas de haste, e seu uso era destinado a infantaria contra cavaleiros; já os de cabo curto eram usados para os combates mais próximos ou como parte do arsenal usado sobre o cavalo.

Uma terceira ponta afinada, com outras pontas, saindo no sentido do cabo ao meio da cabeça, tornaram-na uma arma ainda mais versátil.

Uso[editar | editar código-fonte]

O martelo foi adotado como arma na Alta Idade Média, para fazer frente ao aperfeiçoamento das armaduras, mais populares e fortes com o desenvolvimento da produção de aço durante o século XIV e XV.

O martelo poderia desferir golpes mais potentes que as espadas, cujo poder diminuíra face o uso das armaduras. A grande força perpetrada com seus golpes podiam fazer penetrar a defesas do adversário, sobretudo quando usadas por um cavaleiro montado. Mesmo sem penetrar a armadura, seu impacto provocava sérios danos.

O lado rombudo da cabeça poederia ser usado para arrebentar a armadura do alvo, ou até mesmo seu escudo, ou poderia, quando usado o lado contrário, perfurar até mesmo as pesadas armaduras. Seu uso poderia ainda ser dirigido, contra adversários montados, às patas do cavalo, derrubando-se o inimigo ao solo, onde era mais facilmente combatido.

Mitologia e ficção[editar | editar código-fonte]

O martelo como arma está presente em alguns mitos. Um exemplo famoso de um martelo como uma arma é Mjolnir, a arma do deus escandinavo, Thor. O deus celta Sucellus tinha no martelo sua arma principal.

Variantes[editar | editar código-fonte]

Outras armas que são tipos de martelos de guerra incluem:

A batalha de Towton[editar | editar código-fonte]

Um dos crânios encontrados numa sepultura coletiva, no campo da batalha de Towton (1461), em escavações realizadas em 1996, mostrava sinais de golpe por um martelo de guerra: o orifício apresentava a perfuração em formato quadricular, de 15 mm nos lados (veja seção de ligação externa para ver fotografia).

Fonte:Blood Red Roses: The Archaeology of a Mass Grave from the Battle of Towton, A.D. 1461 - (ISBN 1-84217-025-2).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre armas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.