Optical Society

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Optical Society (nome original: Optical Society of America, OSA) é uma sociedade científica dedicada ao avanço do estudo da luz (óptica e fotônica), na sua teoria e aplicações, através de publicações acadêmicas, da promoção de conferências científicas e exibições, parcerias com a indústria e programas de educação. A organização possui membros em mais de 100 países.[1] Em 2012, a OSA possuía 17 000 membros individuais e mais de 230 membros corporativos.

A OSA foi fundada em 1916, sob a liderança de Perley G. Nutting,[2] , sendo então composta por 30 pesquisadores e projetistas de Rochester, Nova Iorque. Logo a sociedade começou a publicação do seu primeiro periódico científico e estabeleceu sua reunião anual [3] -- sendo fundada com o nome de "Optical Society of America". Com o tempo, a sociedade evoluiu para uma iniciativa global, com membros de diferentes parte do mundo. Em reconhecimento a isso, em 2008 a OSA foi renomeada como Optical Society, mantendo contudo a sigla original.[4]

Referências

  1. Colleen Morrison, "Societies: the Optical Society of America," The Industrial Physicist, Dec. 2003/Jan. 2004, pp. 29-30.
  2. Observers, Illuminants, Light Sources for Color Difference Calculations, William Reginald Dawes
  3. "Why 1916? A Look Back at OSA's Roots.", arquivos de W. Lewis Hyde, Optics & Photonics News, Vol. 17, No. 1, Jan. 2006, pp. 18-19.
  4. Mission of OSA. Página visitada em 21 June 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.