Peel P50

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor, melhore este artigo ou secção, expandindo-o(a). Mais informações podem ser encontradas na página de discussão. Considere também a possibilidade de traduzir o texto das interwikis.
Peel P50
1965 Peel P50, The World's Smallest Car (Lane Motor Museum).jpg
Visão Global
Produção 1962-1965 [1]
Fabricante Peel Engineering Company
Modelo
Classe Microcarro
Carroceria Uma porta
Designer Cyril Cannel
Ficha técnica
Motor 4.2 DKW
Transmissão Três marchas
Modelos relacionados Peel Trident
Dimensões
Comprimento 134 cm
Largura 99 cm
Altura 120 cm
Peso 59 kg
Consumo 1270 mm
Último
Último
Próximo
Próximo

O Peel P50 foi um microcarro, projetado por Cyril Cannel. Entre 1962 a 1965, foram produzidas aproximadamente 50 unidades na Ilha de Man pela empresa britânica Peel Engineering Co, que foram vendidos por, aproximadamente, US$ 315,00.

É conhecido por ser o menor carro na história, com 1,34 m de comprimento.[1] Foi vendido como um meio de transporte para "uma pessoa e um saco de compras.

Era equipado com um motor de 49 cc, com um câmbio manual de três marchas e sem marcha à ré, atingia uma velocidade máxima de cerca de 61 km/h[2] .

A presidenta Dilma Roussef já o utilizou".[3]

Foi sucedido pelo Peel Trident[4] .

A Peel Engineering Co. foi dissolvida em 1974, mas em 2010, foi aberta, no Reino Unido, outra empresa com a mesma denominação, que se dedica a produção de réplicas do Peel 50, com versões equipadas com motor a gasolina ou elétrico.

A moderna versão a gasolina é equipada com um motor de 49 cc de quatro tempos, com transmissão continuamente variável (Câmbio CVT), e chega a fazer 50 km/litro.

A versão elétrica, também é equipada com um Câmbio CVT e tem autonopmia de 30 Km.

Ambas as versões têm uma velocidade máxima limitada de 65 km/h[2] .

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.