Pinguim-azul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaPinguim-azul
Little Blue Penguin (Eudyptula minor) -Adelaide Zoo.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante (IUCN 3.1) 1
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Sphenisciformes
Família: Spheniscidae
Género: Eudyptula
Espécie: E. minor
Nome binomial
Eudyptula minor
(Forster, 1781)
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Pinguim-azul
Little Penguin-Sydney.jpg

O pinguim-azul (Eudyptula minor) é a menor espécie pinguim do mundo, com cerca de 40 cm de comprimento.2 Esta espécie nidifica nas costas Sul da Austrália e Tasmânia, Nova Zelândia e Ilhas Chatham.

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

O pinguim-azul foi descrito por Forster, em 1781. Possui algumas subespécies, mas ainda estão em discussão. O holótipo das subespécies Eudyptula minor variabilis e Eudyptula minor chathamensis estão na coleção do Museu da Nova Zelândia Te Papa Tongarewa. A espécie Eudyptula albosignata é ora considerada subespécie, ora espécie distinta ou mesmo uma fenótipo diferente.

Evidências do DNA nuclear e mitocondrial sugerem que a separação entre Eudyptula e Spheniscus ocorreu por volta de 25 milhões de anos atrás, com os ancestrais de Eudyptula minor e Eudyptula albosignata divergindo há cerca de 2.7 milhões de anos.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O pinguim-azul é a menor espécie de pinguim atualmente existente, medindo entre 30 e 33 cm de comprimento e pesando 1,5 kg. Como o nome vernáculo indica, a cor azul predomina na parte dorsal, do na cabeça até a ponta da cauda, com plumagem cinza-ardósia nas laterais da cabeça e parte ventral branca. O bico cinza-escuro mede 3–4 cm de comprimento. A íris pode ser cinza-azulada ou castanho. Os pés são rosados em cima e pretos na sola. Os imaturos possuem bicos mais curtos e partes superiores mais claras.

Em seu habitat natural, a expectativa de vida de um pinguim-azul é, em média, de 6,5 anos. No entanto, há vários casos excepcionais de espécimes vivendo acima dos 25 anos em cativeiro.

Distribuição e habitat[editar | editar código-fonte]

O pinguim-azul nidifica por toda a costa da Nova Zelândia, Ilhas Chatham, Ilha Babel, Tasmânia e sul da Austrália. Alguns indivíduos foram identificados no Chile e na África do Sul, porém ainda não está claro se a espécie realiza migração.

Comportamento[editar | editar código-fonte]

Assim como todos os pinguins, o pinguim-azul exibe comportamento social e pode ser encontrado vivendo em grandes colônias. É a espécie de pinguim mais noturna de todas, embora também esteja muitas vezes ativo durante o dia.3

Alimentação[editar | editar código-fonte]

O pinguim-azul alimenta-se de pequenos peixes (10–35 mm), alguns cefalópodes e pequenos crustáceos, geralmente caçando-os próximo da costa. Grande parte da alimentação ocorre a cinco metros da superfície do oceano. É um caçador solitário.

Referências

  1. Eudyptula minor IUCN, acessado em 31 de janeiro de 2011
  2. Menores pinguins do mundo terão esquema de segurança na Austrália UOL, acessado em 31 de janeiro de 2011
  3. Eudyptula minor - little penguin Animal Diversity Web, acessado em 1° de fevereiro de 2011