Robert Adamson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Robert Adamson (Edimburgo, Escócia, 19 de Janeiro de 18528 de Fevereiro de 1902) foi um filósofo escocês. Representante da escola neocrítica, orientada para o empirismo. Escreveu Roger Bacon (1876), On the Philosophy of Kant (1879), Fichte (1881) e The Development of Modern Philosophy (1903).

Agnóstico, afirmou que as provas da existência de Deus eram "intelectualmente irrepresentáveis"[1] .

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Nova Enciclopédia Portuguesa, Ed. Publicações Ediclube, 1996.
  1. Joseph McCabe. Adamson, Professor Robert (1852-1902) Um dicionário biográfico dos livres pensadores antigos, medievais e modernos. Visitado em 12 de Setembro de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.