Rock-a-Bye Baby

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rock-a-Bye Baby
Bancando a Ama-Seca (BR)
 Estados Unidos
1958 • cor • 103 min 
Direção Frank Tashlin
Produção Jerry Lewis
Ernest D. Glucksman
Roteiro Preston Sturges
Frank Tashlin
Elenco Jerry Lewis
Marilyn Maxwell
Connie Stevens
Género comédia
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Rock-a-Bye Baby (no Brasil, Bancando a Ama-Seca), é um filme de comédia de 1958, dirigido por Frank Tashlin e protagonizado por Jerry Lewis.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Clayton Poole (Jerry Lewis) é um rapaz que vive em uma cidade pequena, chamada Midvale. O amor de sua infância, Carla Naples (Marilyn Maxwell), se tornou uma grande estrela e quando ela se casa com um toureiro, que morreu um dia após do casamento, ela fica grávida. Seu agente, Harold Herman (Reginald Gardiner), tenta impedir um escândalo e manda Carla de volta a sua cidade natal, contando a imprensa que ela precisava de concentração para o seu novo papel em um filme épico chamado The White Virgin of the Nile. Carla pede ajuda a Clayton, e ele aceita cuidar do bebê assim que ele nascer.

Mas Carla dá a luz a trigêmeos, e após meses cuidando dos três, Clayton é intimado a justiça por não ter possibilidades suficientes em cuidar das crianças, pois além dele, precisa-se de uma mãe. Clayton se vê obrigado a fazer cursos para voltar com um diploma o certificando de que ele tem condições de criar um bebê, mas mesmo assim, a justiça reprova. Então, para poder adotar as crianças, ele acaba se casando com a irmã mais jovem de Carla, Sandy (Connie Stevens), que está apaixonada por ele. A mando de Carla, a imprensa acaba descobrindo sobre os trigêmeos, dizendo também que ela e Clayton se casaram em segredo. Agora suspeito por bigamia, Clayton foge e se esconde até as coisas se resolverem.

Meses depois, após tudo ter esclarecido e com os bebês de Carla de volta com a mãe, Clayton decide ficar com Sandy, e vendo que os dois continuam casados, eles resolvem ter filhos. Nove meses depois, Sandy dá a luz a cinco gêmeos e a estátua de Clayton com seus cinco filhos é construída na praça de Midvale.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

As músicas do filme foram escritas por Harry Warren (música) e Sammy Cahn (letra):

  • "Rock-a-Bye Baby" - interpretada por Jerry Lewis.
  • "The Land of La-La-La" - interpretada por Jerry Lewis e Gary Lewis.
  • "Love Is a Lonely Thing" - interpretada por Jerry Lewis.
  • "Dormi, Dormi, Dormi (Sleep-Sleep-Sleep)" - interpretada por Salvatori Baccaloni e Jerry Lewis.
  • "Why Can't He Care for Me?" - interpretada por Connie Stevens.
  • "The White Virgin of the Nile" - interpretada por Marilyn Maxwell.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • As filmagens foram do dia 18 de Novembro de 1957 até 8 de Janeiro de 1958 e teve sua estréia em Los Angeles no dia 18 de Julho de 1958, e em Nova York no dia 23 de Julho.
  • O filme é quase uma refilmagem de The Miracle of Morgan's Creek, com Eddie Bracken e Betty Hutton no elenco.
  • Outra música de Harry Warren e Sammy Cahn chamada, "Me and My Baby" foi escrita mas acabou não sendo usada no filme.
  • Os números musicais do filme foram coreografados por Nick Castle.
  • Devido ao sucesso das músicas, elas foram gravadas na Cidade do México em Março de 1958, causando uma reunião de músicos para uma prévia exibição do filme em Los Angeles no dia 3 de Junho. Boatos diziam que o próprio Jerry Lewis conduziu a orquestra.
  • Dois atores da Keystone, Hank Mann e Chester Conklin, fizeram uma ponta no filme.
  • O filho de Jerry Lewis, Gary, fez o Clayton Poole criança na cena em que Lewis canta a música "The Land of La-La-La".
  • Uma foto de Jack Benny foi usada como uma fotografia de Carlos, o toureiro que Carla casou.
  • O ator George Sanders esteve no elenco do filme mas suas cenas foram cortadas antes da estréia, assim como algumas cenas aparecendo o próprio pai de Jerry Lewis, Danny.
  • O filme foi relançado como coleção junto com outro filme de Jerry Lewis, Don't Give Up the Ship em 1962.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]