Sergio Zyman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Sergio Zyman (Cidade do México, 30 de julho de 1943) é um executivo mexicano, ex-diretor de marketing da Coca-Cola Company. Sua carreira ficou marcada pelo sucesso da implantação da linha de produtos diet da empresa[1] e o fracasso da comercialização do refrigerante New Coke em 1985, vendido como substituto da Coca Cola[2] . Considerado um dos maiores erros de marketing cometidos desde o lançamento do Ford Edsel[3] , a New Coke serviu para fortalecer a Pepsi, maior concorrente da Coca Cola. Após 77 dias de maciça propaganda[4] , a New Coke foi retirada do mercado por conta da alta rejeição dos consumidores e a formula original foi reintroduzida enquanto que Zyman renunciaria ao cargo[5] , tendo sua carreira arruinada.[1]

Ao sair da Coca Cola, criou a Z, empresa de consultoria e aos poucos reconstruiu sua carreira. Após sete anos, retornaria com sucesso ao cargo na Coca Cola.[1] Em 2005, venderia parte de sua empresa de consultoria ao MDC Partners por cerca de US$ 60 milhões.[6] [7]

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

  • (1999) O fim do marketing como nós conhecemos[8]
  • (2001) A força da marca[9]

Referências

  1. a b c Patricia Sellers e Patty de Llosa (1 de maio de 1995). So you fail. Now bounce back!. Revista Fortune- repúblicado por CNN Money. Página visitada em 25 de abril de 2013.
  2. Tiago Eloy Zaidan (junho de 2008). Do fracasso a reaproximação. Revista Pronews, Ano IX, número 100. Página visitada em 25 de abril de 2013.
  3. Case "New Coke" - Coca-Cola. Projetos integrada. Página visitada em 25 de abril de 2013.
  4. Novo sabor da Coca Cola invade os Estados Unidos. Folha de São Paulo, Ano 65, número 20491 ,Seção Economia, página 16 (10 de maio de 1985). Página visitada em 25 de abril de 2013.
  5. Painel econômico. Folha de São Paulo, Ano 66, número 20922, seção economia, página 20 (15 de julho de 1986). Página visitada em 25 de abril de 2013.
  6. Suzanne Vranica (1 de abril de 2005). MDC Takes Majority Stake In Sergio Zyman's Firm. The Wall Street Journal (disponível para assinantes). Página visitada em 25 de abril de 2013.
  7. Carolyn Pritchard (1 de abril de 2005). MDC buys 61.6% stake in Zyman Group. MarketWatch. Página visitada em 25 de abril de 2013.
  8. Sergio Zyman (1999). O fim do marketing como nós conhecemos. Google books. Página visitada em 25 de abril de 2013.
  9. Carlos Martins. A força da marca. Página visitada em 25 de abril de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.