Shakya

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Siddhartha Gautama, o mais famoso dos Shakyas, em estátua da província de Hebei, na República Popular da China, datada do período da Dinastia Tang

Shakya ou Xáquia[1] (Sânscrito: Śākya, Devanágari: शाक्य e Páli: Sākya) foi um antigo janapada do Sul da Ásia no primeiro milênio a.C..[2] Nos textos budistas, os Shakyas, os habitantes de Shakya, são mencionados como um clã xátria do gotra Gotana.[3] [4]

O mais famoso dos Shakya foi Siddhartha Gautama, um membro do clã governante dos Gautama de Lumbini, que também é conhecido como Shakyamuni Buda, o "sábio dos Shakyas", devido à sua associação com este reino antigo.

Os puranas hindus mencionam Shakya como um rei da Dinastia Ikshvaku, filho de Sanjaya e pai de Suddhodana.[5]

Referências

  1. Darmapada: a doutrina budista em versos. Tradução do páli, introdução e notas de Fernando Cacciatore de Garcia. Porto Alegre, RS: L&PM, 2010. p. 16
  2. Raychaudhuri H. (1972). Political History of Ancient India, Calcutta: University of Calcutta, pp.169-70
  3. Law, B.C. (1973). Tribes in Ancient India, Bhandarkar Oriental Series No.4, Poona: Bhandarkar Oriental Research Institute, pp.245-56
  4. Thapar, R.(1978). Ancient Indian Social History, New Delhi: Orient Longman, ISBN 81 250 0808 X, p.117
  5. Misra, V.S. (2007). Ancient Indian Dynasties, Mumbai: Bharatiya Vidya Bhavan, ISBN 81-7276-413-8, pp.285-6
Ícone de esboço Este artigo sobre a Índia é um esboço relacionado ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.