Stoa Poikile

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Stoa Poikile (em grego antigo: Στοά Ποικίλη, transl. Stoá Poikíle) ou Pórtico Pintado, originalmente chamado de Pórtico de Peisianax (Στοά Πεισιανάκτειος, transl. Stoá Peisianákteios), foi um antigo edifício da ágora de Atenas, construído durante o século V a.C.. Localizado no lado norte da ágora, a stoa era o local onde o filósofo Zenão de Cítio se reunia regularmente com seus seguidores e fazia suas palestras, surgindo assim a escola filosófica que veio a ser denominada de estoicismo exatamente devido ao termo "stoa".

A Stoa Poikile foi decorada pelo pintor de afrescos e escultor Mícon, em colaboração com Polignoto de Tassos; ambos viveram no meio do século V a.C.. Na época da descrição feita pelo geógrafo Pausânias, século II d.C., as pinturas desta stoa incluiam:[1]

O que se destaca na Stoa Poikile é o contraste entre os eventos míticos e históricos mostrados. Cenas ilustrando a vitória de Teseu sobre as amazonas e a queda de Troia estavam, lado a lado, com o retrato da batalha de Oenoe - a primeira vitória importante de Atenas sobre Esparta - e da batalha de Maratona. Esta última exibia predominantemente a confiança e a identidade dos atenienses às vésperas das Guerras Persas, num paralelo com as outros vitórias míticas representadas.

Referências

  1. Smith W. (ed.), 1870, Dictionary of Greek and Roman Biography and Mythology. Little & Brown, Boston & London. (Page 466, entry Polygnotus.)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre arquitetura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.