Teopompo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Maio de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Teopompo (Quíos, c.378 a.C.Egito, 323 a.C.), foi um historiador e retórico da Grécia Antiga contemporâneo de Alexandre, o Grande, que, por causa de suas opções políticas e críticas à democracia de Atenas, bem como pela sua preferência ao imperialismo espartano, foi obrigado a exilar-se com freqüência de sua ilha natal de Quíos.

Devido a isso e a sua grande fortuna, realizou muitas viagens, das quais nos deixou abundantes registros. Por influência de Alexandre, pode retornar a sua cidade, mas após a morte deste abrigou-se no Egito sob Ptolomeu, onde faleceu.

Suas obras têm como características o aprofundamento psicológico de seus personagens. Dentre as suas obras destacam-se, Histórias Helênicas, a continuação do relato de Tucídides e as Filípicas.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.