Todd Rogers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Todd Rogers
Todd Rogers em 2011
Voleibol de praia
Nome completo Todd Jonathan Rogers
Apelido "The Professor", "T-Rog"
Representante  Estados Unidos
Nascimento 30 de setembro de 1973 (40 anos)
Santa Bárbara, Califórnia
Nacionalidade Estados Unidos estadunidense
Compleição Peso: 88 kg Altura: 1,88 m
Nível Profissional

Todd Jonathan Rogers (Santa Bárbara, 30 de setembro de 1973) é um voleibolista de praia dos Estados Unidos. Dentre suas principais conquistas estão o Campeonato Mundial de Gstaad, em 2007, e a medalha de ouro olímpica no ano seguinte, nos Jogos de Pequim.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Rogers iniciou sua carreira no voleibol ainda na Universidade da Califórnia em Santa Bárbara (UCSB), onde integrou a equipe de quadra entre 1993 e 1996.[2] Em 1995 disputou seu primeiro torneio na praia ao lado de Canyon Ceman.

Após a universidade, Rogers passou a jogar com seu parceiro de high school Dax Holdren nos torneios nacionais (AVP Tour) e no Circuito Mundial da Federação Internacional de Voleibol. Em 2000, Rogers e Holdren venceram pela primeira vez uma etapa do circuito mundial em Rosarito, no México.[3]

Em 2002, Rogers desfez a dupla com Holdren após seis anos e passou a jogar ao lado de Sean Scott. A dupla subiu ao pódio quatro vezes na AVP Tour, mas não obteve o mesmo sucesso no circuto da FIVB, tendo dois quarto lugares como melhor resultado.[3]

Sucesso com Dalhausser[editar | editar código-fonte]

Com 11 anos de experiência no voleibol de praia profissional, Rogers pensou que precisava de alguém para ajudá-lo a chegar ao melhor nível. Em 2006 formou parceria definitiva Phil Dalhausser, após disputarem uma única etapa em 2005 em substituição a Scott. Ele acreditava que Dalhausser tinha o potencial para se tornar um dos melhores jogadores do mundo e passou a desempenhar os papéis de parceiro e treinador.[4]

Em 2007 a dupla venceu o Campeonato Mundial em Gstaad, na Suíça, tornando-se a primeira equipe dos Estados Unidos a ganhar o torneio.[5]

Jogos Olímpicos[editar | editar código-fonte]

Rogers durante a final olímpica de 2008.

Apesar de classificado como o número 4 do mundo, Rogers e seu então parceiro Sean Scott não foram selecionados para as duas vagas disponíveis para as equipes dos Estados Unidos que representariam o país nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004.[1] Rogers foi nomeado reserva, mas não jogou.

Já jogando ao lado de Dalhausser, Rogers qualificou-se para os Jogos Olímpicos de Pequim como os principais cabeças-de-chave da competição após o desempenho no processo de qualificação internacional durante o ciclo olímpico.[6]

Dalhausser e Rogers tiveram um registro de 6 vitórias e apenas 1 derrota em seus primeiros Jogos Olímpicos. Após perderem na estreia para os letãos Aleksandrs Samoilovs e Mārtiņš Pļaviņš, eles obtiveram uma sequência de seis vitórias até o término dos Jogos.[7]

Na disputa pela medalha de ouro venceram por 2 sets a 1 a Márcio Araújo e Fábio Luiz Magalhães, do Brasil.[8]

Referências

  1. a b Beach Volleyball Database. Todd Rogers. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  2. UCSB. Todd Rogers. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  3. a b Beach Volleyball Database. Todd Rogers 2000-04. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  4. NBC Olympics. Rogers, Dalhausser becoming May/Walsh-like. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  5. NBC Olympics. Athletes > Todd Rogers > Bio. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  6. FIVB. FIVB announces final Olympic Ranking for men’s and women’s Olympic Beach Volleyball tournaments. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  7. USA Volleyball. Dalhausser, Rogers Upset by Latvian Duo. Página visitada em 25 de abril de 2012.
  8. UOL Olimpíadas 2008. Márcio e Fábio Luiz perdem para americanos e ficam com a prata. Página visitada em 25 de abril de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]