Turbo Debugger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Março de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

O Turbo Debugger é um programa de computador criado pela Borland em 1989, que procurava erros em códigos-fonte para as linguagens C e Assembly.

Função[editar | editar código-fonte]

O programa varria o código-fonte escrito pelo programador buscando erros lógicos, de escrita, e de semântica.

  • Escrita: o Debugger tinha um dicionário básico para erros de escrita de mnemônicos, palavras-chaves ou demais comandos, o que fazia notar quase todos os erros de escrita;
  • Semântica: ele também identificava erros de linguística, o que envolvia uma análise de significado dos termos utilizados;
  • Lógica: o Turbo Debugger era responsável por verificar se o código-fonte escrito continha erros lógicos, tais como:
if(typeof(letra) == typeof(número))/*erro lógico*/
then nome := RG;

O que fica assim: "se letra for igual a número, então nome pode receber RG".

Ao encontrar este tipo de erro ou similares o Debugger enviava um sinal de erro ou aviso (caso não fosse um erro lógico direto).

O Turbo Debugger faz parte do pacote do Turbo C++, e continua a ser utilizado como um subprograma da interface de programação.

Ícone de esboço Este artigo sobre programação de computadores é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.