Haliaeetus albicilla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Águia-rabalva)
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaÁguia-rabalva
Uma rabalva adulta em voo

Uma rabalva adulta em voo
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Accipitriformes[1]
Família: Accipitridae
Género: Haliaeetus
Espécie: H. albicilla
Nome binomial
Haliaeetus albicilla
(Linnaeus, 1758)
Distribuição geográfica
  Nidificação   Invernagem   Habitat permanente
  Nidificação
  Invernagem
  Habitat permanente

A águia-rabalva ou simplesmente rabalva (Haliaeetus albicilla)[2] é uma espécie de águia que vive no norte da Europa e da Ásia. É uma ave marinha, que se alimenta principalmente de peixes, aves aquáticas e carniça e que substitui na maior parte da Eurásia a águia-de-cabeça-branca americana. Com outras espécies de águias que têm as penas da cauda brancas, comparte os nomes de aurifrísio ou pigargo.

Tem cerca de 70–90 cm de comprimento, corpo castanho escuro e cauda branca. Cabeça grande e mais clara que o corpo, bico grande e amarelo. As asas são grandes e de forma rectangular. Podem confundir-se com a águia-real, especialmente os imaturos, mas a águia-real possui uma barra terminal preta na cauda branca.

Foi muito perseguida, assim como é ameaçada pela contaminação com poluentes do meio ambiente, e sua maior população remanescente na Europa encontra-se na região dos fiordes da Noruega. Foi com exemplares provenientes desta população que, a partir de 1975, a espécie foi reintroduzida nas Ilhas Britânicas, de onde tinha desaparecido no início do século XX e atualmente existe uma população auto-sustentável (em torno de trinta sítios de nidificação, isto é, trinta casais estabelecidos) na costa oeste da Escócia. A espécie recentemente recolonizou espontaneamente a Holanda, onde um casal nidificou em 2006. Com as restrições ao uso de inseticidas químicos, a espécie parece que começa a recuperar-se em toda a Europa.

Subespécies[editar | editar código-fonte]

A espécie é monotípica (não são reconhecidas subespécies).

Referências

  1. «Raptors». IOC World Bird List (em inglês). Consultado em 13 de Outubro de 2010. 
  2. «Definição de 'rabalva' no Dicionário Estraviz». www.estraviz.org. Consultado em 2016-11-29. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Wikispecies Diretório no Wikispecies


Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.