Élie Cartan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Élie Joseph Cartan
Nascimento 9 de abril de 1869
Dolomieu
Morte 6 de maio de 1951 (82 anos)
Paris
Nacionalidade francês
Alma mater Escola Normal Superior de Paris
Prêmios Prêmio Poncelet (1920), Prêmio Leconte (1930), Medalha Lobachevsky (1937)
Orientador(es) Gaston Darboux e Sophus Lie[1]
Orientado(s) Charles Ehresmann, Mohsen Hashtroodi, Kentaro Yano
Campo(s) Matemática
Tese 1894: Sur la structure des groupes de transformations finis et continus

Élie Joseph Cartan (Dolomieu, 9 de abril de 1869Paris, 6 de maio de 1951) foi um matemático francês, que levou a cabo trabalhos fundamentais na teoria de grupos de Lie e seus usos geométricos.

Estudou na Escola Normal Superior de Paris em 1888. Depois do seu doutorado em 1894, trabalhou em Montpellier e Lyon, tornando-se professor na Universidade de Nancy em 1903. Obteve um posto em Paris em 1909 e passou a ser professor da Sorbonne em 1912. Reformou-se em 1942. Foi pai do matemático Henri Cartan.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]