Épinay-sur-Orge

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Épinay-sur-Orge
O hôtel de ville.
O hôtel de ville.
Brasão de armas de Épinay-sur-Orge
Brasão de armas
Épinay-sur-Orge está localizado em: França
Épinay-sur-Orge
Localização de Épinay-sur-Orge na França
Coordenadas 48° 40' 21" N 2° 19' 26" E
País  França
Região Blason France moderne.svg Ilha de França
Departamento Blason département fr Essonne.svg Essona
Administração
- Prefeito Guy Malherbe
Área
- Total 4,44 km²
Altitude máxima 89 m
Altitude mínima 36 m
População (2010) [1]
 - Total 10 104
    • Densidade 2 275,7 hab./km²
Gentílico Spinoliens
Código Postal 91360
Código INSEE 91216
Website ville-epinay-sur-orge.fr

Épinay-sur-Orge é uma comuna francesa, localizada a vinte e um quilômetros a sudoeste de Paris, no departamento de Essonne na região da Ilha de França.

Seus habitantes são chamados de Spinoliens.[2]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

História[editar | editar código-fonte]

Sitio de povoamento pré-histórico e galo-romano na confluência do Orge e do Yvette, possessão da poderosa abadia de Saint-Germain-des-Prés, do Século VIII ao Século XVI em seguida de parlamentares parisienses, uma vez preservada da urbanização pela propriedade de um quarto de seu território pela família de Caraffa, equipada a partir de 1843 e 1889, de uma depois duas estações ferroviárias, a cidade cresceu a partir da década de 1920 em uma sucessão de loteamentos residenciais, dando-lhe a sua fisionomia atual tipicamente suburbana a meio caminho entre a cidade e o campo.

Cultura e patrimônio[editar | editar código-fonte]

Patrimônio ambiental[editar | editar código-fonte]

O município foi contemplado com duas flores no concurso das cidades e aldeias floridas.[3] O parque do domínio de Sillery do século XIX, tem sido registrado pelos monumentos históricos em 4 dezembro de 2006[4]. No território da comuna, o conselho geral do departamento de Essonne classificou como áreas naturais sensíveis os parques de Sillery e Perray-Vaucluse, as margens do Yvette , bem como a planície agrícola a oeste.[5]

A comuna é atravessada pelas trilhas de grande rota das regiões do cinturão verde da Ilha de França.[6] que passa pela estação e segue para o norte ao longo do Yvette, e para o sul, para o vale do Orge.[7] Na entrada da estação de Epinay, uma trilha não marcada, a cerca de 10,20 km, a trilha de Trois Rivières, permite fazer a volta pela comuna, passando por caminhos de terra, ruas preservadas e caminhar ao longo dos três rios que atravessam a comuna.[8] Muitas trilhas passam através do território da comuna.

Patrimônio arquitetônico[editar | editar código-fonte]

O monumento aos mortos da Guerra de 1870.

Um marco quilométrico do século XVIII foi incluído nos monumentos históricos em 6 de novembro de 1929[9]. A igreja de Saint-Leu-et-Saint-Gilles foi construída entre os séculos XIII e XVIII e aumentou no século XV com a capela dedicada a São Roque e São Sebastião,[10] entre o século XVIII e o século XIX, várias casas burguesas foram construídas pelos parisienses vindos para a estadia, incluindo o château des Tourelles.[11]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]