1965 (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
1965
Álbum de estúdio de The Afghan Whigs
Lançamento 27 de outubro de 1998
Gênero(s) Rock alternativo, soul
Duração 41:35
Gravadora(s) Columbia Records
Produção Greg Dulli
Cronologia de The Afghan Whigs
Último
Último
Black Love
(1996)
Do to the Beast
(2014)
Próximo
Próximo

1965 é o sexto e último álbum de estúdio da banda The Afghan Whigs, lançado em 1998, pela Columbia Records, e produzido por Greg Dulli. Neste álbum, é possível perceber uma maior influência da música soul nas composições de Dulli.

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svg [1]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as faixas foram compostas por Greg Dulli, exceto onde indicado.

N.º Título Duração
1. "Somethin' Hot"   2:58
2. "Crazy"   4:04
3. "Uptown Again"   3:11
4. "Sweet Son of a Bitch"   0:23
5. "66"   3:23
6. "Citi Soleil"   5:06
7. "John the Baptist"   5:34
8. "The Slide Song" (Dulli, McCollum) 3:54
9. "Neglekted" (Dulli, McCollum) 4:01
10. "Omertà" (Dulli, McCollum) 5:40
11. "The Vampire Lanois" (Dulli, McCollum, Horrigan, Curley) 3:21

Créditos[editar | editar código-fonte]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

  • Greg Dulli: guitarra, vocal, piano, produção
  • Rick McCollum: guitarra
  • John Curley: baixo, teclado
  • Michael Horrigan: bateria

Equipe adicional[editar | editar código-fonte]

  • David Bianco: mixagem
  • Marina Chavez: fotografia
  • George Drakoulias: mixagem
  • Frank Harkins: direção de arte
  • Dave Hillis: engenharia de som
  • Barbara Hunter: violoncelo
  • Jeff Powell: engenharia de som
  • Lia Sweet: produção executiva
  • Howie Weinberg: masterização

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]