A. C. Gibbs

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Addison Crandall[1] Gibbs
Addison Crandall[1] Gibbs
2º Governador do Oregon
Período 10 de setembro de 1862
a 12 de setembro de 1866
Antecessor John Whiteaker
Sucessor George Lemuel Woods
Dados pessoais
Nascimento 9 de julho de 1825
Condado de Cattaraugus, Nova York
Morte 29 de dezembro de 1886 (61 anos)
Londres, Inglaterra
Partido Republicano
Profissão advogado

Addison Crandall[1] Gibbs (9 de Julho de 1825 - 29 de Dezembro de 1886) foi um político americano. Foi o segundo Governador do Oregon de 1862 até 1866 e atuou anteriormente no órgão legislativo do Território do Oregon e mais tarde na Assembleia Legislativa do estado.

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Addison Crandall[1] Gibbs nasceu no dia 9 de Julho de 1825 no Condado de Cattaraugus em Nova York.[2] Estudou e graduou-se em uma Escola Normal estatal antes de tornar-se professor.[2] Mais tarde, foi aceito na Ordem e mudou-se para Califórnia em 1849.[2]

Oregon[editar | editar código-fonte]

Em 1850, A. C. Gibbs mudou-se para o Território do Oregon.[2] Por lá, mudou-se para a cidade de Gardiner no Rio Umpqua onde iria fazer parte da Assembleia Legislativa do Território do Oregon em 1852.[2] Foi também nomeado como coletor alfandegário em Gardiner, localizado na foz do Rio Umpqua.[2]

Em 1860, Gibbs mudou-se para Portland, Oregon, onde foi eleito para a Assembleia Legislativa do estado.[2] Em 1862, foi eleito Governador do Oregon; seu mandato começou no dia 10 de Setembro de 1862, logo, atuou durante a Guerra Civil Americana.[3] Em 1864, respondendo a pedidos do Congresso dos Estados Unidos, Gibbs criou um regimento de infantaria, apesar da oposição dos Oregonianos.[2] Também usou seu poder político em Oregon para reprimir movimentos separatistas.[4] Seu mandato terminou no dia 12 de Setembro de 1866.[3]

Depois de seu mandato como governador, Gibbs foi um candidato que não conseguiu à eleição para o Senado dos Estados Unidos em 1866 para substituir James Nesmith com Henry W. Corbett como a escolha para a Assembleia Legislativa do Oregon.[2] Gibbs então atuou Procurador-Geral Distrital dos Estados Unidos pelo Distrito do Oregon e como um delegado do estado para resolver alegações de guerra das guerras contra os Nativos Americanos.[2] Gibbs, como Procurador-Geral Distrital do Oregon, foi afastado do cargo de maneira controversa pelo Procurador-Geral do Presidente Ulysses S. Grant, George Henry Williams, ex-senador do Oregon, enquanto Gibbs estava perseguindo as fraudes eleitorais em Oregon. Depois, voltou à advocacia privada em Portland, no que é agora a Miller Nash Graham & Dunn LLP.

Addison Crandall Gibbs morreu em Londres, Inglaterra, no dia 29 de Dezembro de 1886.[2] Seus restos mortais foram devolvidos da Inglaterra por uma lei da Assembleia Legislativa do Oregon e foi sepultado no Cemitério River View em Portland em 1887.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c ' 'Guide to the Addison Crandall Gibbs Papers 1858-1886' ' http://nwda-db.wsulibs.wsu.edu/findaid/ark:/80444/xv68749
  2. a b c d e f g h i j k Horner, John B. (1921).Oregon: Her History, Her Great Men, Her Literature. The J.K. Gill Co.: Portland. pp. 172–173
  3. a b Oregon State Archives: Governor's Records Guide
  4. Oregon's Civil War, Stacey L. Smith, Oregon Historical Quarterly, Summer 2014. http://www.ohs.org/exhibits/current/upload/02_Smith_Oregon-s-Civil-War_115_2_Summer-2014.pdf


Cargos políticos
Precedido por
John Whiteaker
Governador do Oregon
1862-1866
Sucedido por
George Lemuel Woods