Abundâncio (cônsul)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Abundâncio.
Flávio Abundâncio
Nascimento
Cítia Menor
Nacionalidade
Vexilloid of the Roman Empire.svg
Império Romano
Ocupação Oficial
Soldo de Teodósio (r. 378–395)

Flávio Abundâncio (em latim: Flavius Abundantius; fl. 375-400) foi um militar romano que esteve ativo no reinado dos imperadores Graciano (r. 375–383), Teodósio (r. 378–395) e Arcádio (r. 395–408).

Vida[editar | editar código-fonte]

Abundâncio era nativo da Cítia Menor. Serviu sob Graciano e alcançou alto ofício com Teodósio. Entre 392-393, exerceu os ofícios de conde e mestre dos soldados e em 393 foi nomeado cônsul posterior com Teodósio.[1] Em 394, na campanha contra o usurpador Flávio Eugênio (r. 392–394), provavelmente permaneceu em Constantinopla junto com Arcádio. É possível, contudo, que por esta época ele já tivesse se retirado dos serviços miliares para servir no consistório da corte. Em 396, foi vítima do ganancioso Eutrópio que, na tentativa de eliminar possíveis concorrentes, conseguiu que fosse banido para Sidom, na Fenícia, e depois para Pítio, uma cidade do mar Negro. Ainda estava vivo por 400.[2][3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Cônsul do Império Romano
Vexilloid of the Roman Empire.svg
Precedido por:
'Arcádio II

com Rufino

Abundâncio
393

com Teodósio

Sucedido por:
'Vírio Nicômaco Flaviano (Ocidente)

com Ninguém


Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Martindale, J. R.; A. H. M. Jones (1971). «Flavius Abundantius». The Prosopography of the Later Roman Empire, Vol. I AD 260-395. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press 
  • Wissowa, Georg (1890). «Abundantius 1». Paulista's Realityclopaedia of Classical Archaeology. Estugarda: Metzler