Alethea Miranda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Alethea Miranda
Nascimento 12 de março de 1976 (45 anos)
Goiás
 Brasil
Ocupação Atriz, diretora

Alethea Miranda (Goiás, 12 de março de 1976) é uma atriz e diretora brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Começou sua carreira na minissérie Capitães de Areia, na Rede Bandeirantes em 1989, no ano seguinte participou da minissérie Riacho Doce, de Aguinaldo Silva e Ana Maria Moretzsohn, onde interpretou a espevitada Elvira. Em 1993 fez parte do elenco do longa americano Kickboxer 3: The Art of War, fez participações em várias novelas, seu trabalho mais recente foi no longa O Filme dos Espíritos que estreou em 2011.

Televisão[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

  • 1993 — Kickboxer 3: The Art of War — Isabella — Longa-Metragem Americano
  • 2007 — Goela Adentro — Curta-Metragem - Direção Valter Lagoa
  • 2007 — Espelho Partido — Curta-Metragem - Realização Alethea Miranda / Artur Louback / Ana Paula Teixeira
  • 2008 — Buraco — Curta-Metragem - Direção Michel Dubret e Valter Lagoa
  • 2008 — Ruído — Curta-Metragem - Realização Ana Paula / Alethea Miranda / Thaís Lefcadito
  • 2008 — Domingo — Curta-Metragem - Direção Fátima Toledo
  • 2009 — Além da Janela — Curta-Metragem - Direção Michel Dubret
  • 2011 — O Filme dos Espíritos — Marina - Longa-Metragem
  • 2013 — Peça por Favor — Longa-Metragem

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • 1999 — "Problemas Felizes" — Direção de Cláudio Cavalcanti
  • 1992–1993 — "A Verdadeira História de Chapéuzinho Vermelho" — Direção de Ewerton de Castro
  • 1994–1996 — "Zero de Conduta" — Direção de Pedro Vasconcelos
  • 1995 — "Se Você me Ama" — Direção de Francis Mayer

Premiações[editar | editar código-fonte]

Recebeu Prêmio de Melhor Atriz no curta-metragem "Ruído" pela Academia Internacional de Cinema (AIC) e também o de Atriz Coadjuvante no Festival Mundo Maior de Cinema, pelo curta-metragem Além da "Janela", em 2010.[1]

Referências