Anagogia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Anagogia (ἀναγωγή) Do grego - ana, no alto e agogôs, que conduz. Interpretação das Escrituras que transcende o sentido literal e conduz ao sentido místico. É também uma palavra derivada do grego que sugere uma "subida" ou "ascensão", no sentido de êxtase místico, ou arrebatamento da alma na contemplação das coisas divinas. O anagógico é um método de interpretação mística ou espiritual de símbolos, declarações ou eventos, especialmente exegese escritural, que detecta alusões à vida após a morte.[1]

Certos teólogos medievais descrevem quatro métodos de interpretação das escrituras: literal / histórico, tropológico, alegórico e anagógico.[2] Hugo de São Vitor, em De scripturis et scriptoribus sacris, distinguiu anagogia como uma espécie de alegoria simples.[3] Diferenciava-se da seguinte maneira: numa simples alegoria, uma ação invisível é (simplesmente) significada ou representada por uma ação visível; anagogia é aquele "raciocínio para cima" ( sursum ductio ), quando, a partir do visível, a ação invisível é revelada.[4]

Os quatro métodos de interpretação apontam em quatro sentidos diferentes:[2][5]

  • literal / histórico: para o conhecido - o sentido evidente e óbvio do texto;
  • alegórico: para o oculto - o sentido mais profundo ou velado;
  • tropológico ou moral: para baixo - o sentido moral / humano;
  • anagógico: para cima - o sentido espiritual / celestial.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Encyclopædia Britannica Online, sv "interpretação anagógica", acessada em 11 de outubro de 2012
  2. a b Lopes, Augustus N. «História da Interpretação Cristã da Bíblia» (PDF). monergismo.com. Consultado em 10 de abril de 2019 
  3. "De Scripturis et Scriptoribus Sacris", em Hugonis de S. Victore ... Ópera Omnia , I (de 3), Patrologia Latina Vol. 175 (J.-P. Migne, 1854), colunas 9-28, Cap. III: De triplici intelligentia sacrae Scripturae, na Coluna 12, loc. B.
  4. "... está simplex allegoria, cum per visibile factum aludess invisibile factum significatur. Anagoge, id est sursum ductio, cum per visibile invisibile factum declaratur."
  5. Alves, Valtencir (15 de março de 2011). «Hermenêutica Bíblica: Principais Correntes de Interpretação». Hermenêutica Bíblica. Consultado em 10 de abril de 2019