Andócides de Atenas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Andócides (Atenas, ca. 440 a.C. — ?, 391 a.C.) foi um orador ateniense.

Membro da antiga família aristocrática, Andócides foi implicado juntamente com Alcibíades na profanação de estátuas do deus Hermes e dos mistérios de Elêusis. Tendo sido banido, partiu para Chipre. Anistiado em 402 a.C., retornou a Atenas. Passou, então, a ser perseguido pelos Trinta Tiranos. Defendeu-se proferindo um discurso que tornou-se célebre. Seu mais famoso e importante discurso foi Discurso sobre os mistérios, proferido em 400 a.C. e no qual respondeu à acusação de seus inimigos que insistiam em acusações de impiedade. Além de orador, foi embaixador de Atenas em Esparta.

Ícone de esboço Este sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.