Araucaria araucana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAraucaria araucana
Araucaria araucana

Araucaria araucana
Estado de conservação
Espécie vulnerável
Vulnerável
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Pinophyta
Classe: Pinopsida
Ordem: Pinales
Família: Araucariaceae
Género: Araucaria
Espécie: A. araucana
Nome binomial
Araucaria araucana
(Molina) K. Koch, 1873

A Araucaria araucana ou araucária chilena, também conhecida pelo nome de origem Mapuche Péhuen, é uma árvore do gênero Araucaria , nativa do centro-sul do Chile e do centro-oeste da Argentina. Atualmente a espécie se distribui em áreas limitadas, entre os paralelos 37º S e 40º S com altitudes superiores a 800 m, no sul da Cordilhera dos Andes e, em uma pequena porção, na Cordilheira da Costa do Chile.

As árvores poder crescer a uma altura de até 40 m, com troncos chegando a 2 m de diâmetro. Em razão da existirem desde o período Mesozoico, os exemplares dessa espécie são considerados "fósseis vivos". A Araucária araucana é a árvore nacional do Chile.

Araucária araucana prefere climas temperados com chuvas abundantes, tolerando temperaturas até cerca de -20 ° C. É o membro do seu gênero, mais resistente ao frio e pode crescer bem na Europa Ocidental (norte das Ilhas Faroé), no oeste da Noruega)[1], na costa oeste da América do Norte, bem como na costa leste dos EUA (Long Island) e na Nova Zelândia e no sudeste da Austrália . É tolerante á maresia, mas não tolera a exposição à poluição.

Os pinhões têm 3 cm e 5 cm de comprimento e são comestíveis, sendo colhidos por povos indígenas na Argentina e no Chile. A árvore tem potencial para ser uma cultura alimentar em outras áreas no futuro, prosperando em climas com verões oceânicos frescos, por exemplo, no oeste da Escócia, onde outras culturas de nozes não crescem bem. Um grupo de seis árvores femininas com um macho para polinização poderia produzir vários milhares de sementes por ano. Uma vez que os cones caem, a colheita é fácil. A árvore, no entanto, não produz sementes até os 30 a 40 anos de idade, o que desencoraja o investimento em plantios comerciais de pinheirais (embora os rendimentos na maturidade possam ser imensos); Uma vez estabelecido, ela pode viver possivelmente até 1.000 anos.

A Araucaria araucana foi muito explorada por causa de seu tronco longo e reto. A partir de 1971, ela passou a ser protegida por lei no Chile, devido ao fato, de ter-se tornado espécie de status vulnerável. Ela é árvore sagrada para os povos indígenas Mapuche, que vivem no sul do Chile e Argentina.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Vestre, Thomas (26 de outubro de 2004). «Araucaria araucana». Scanpalm. Consultado em 9 de setembro de 2017 
Araucaria (3439728737).jpg

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre coníferas, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Araucaria araucana