Aroaldo Alves de Santana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Aroaldo Alves de Santana (Porto da Folha, 22 de outubro de 1925), mais conhecido como Aroaldo Santana,[1] foi um célebre líder político que se destacou como prefeito nas conquistas de grande valia para cidade, deputado estadual entre 1987 e 1991, tabelião e titular do cartório do primeiro ofício de notas de Porto da Folha.[2]

Administração[editar | editar código-fonte]

De 1967 a 1970, Aroaldo Santana foi prefeito em Porto da Folha pela Aliança Renovadora Nacional após vencer o candidato do PSD, o ex-prefeito Antônio Gonçalves Dória. Na mesma administração, ocorreu a inauguração da água encanada do rio São Francisco, em 12 de outubro de 1970, contribuindo para o abastecimento e saneamento da população, amenizando também o sofrimento dos animais de carga.[3]

Ainda no período constam a construção e inauguração, em 1970, do Ginásio Gr. Lourival Baptista; construção parcial dos GEMs José Xavier de Melo e Manoel Jovito de Santana no povoado Lagoa da Volta, construção da primeira Banca de Peixes local; restauração do calçamento das ruas Dr. João Lima, Gouveia Lima e Praça Caio Feitosa, reconstrução de estrada ligando a Sede ao povoado Niterói, recuperação da estrada ligando a Sede à Ilha do Ouro, construção do Mercado de Lagoa do Rancho, e construção e inauguração de agência do Banese e incentivo à instalação de agência do Banco do Brasil.[3]

Em 1986, foi eleito deputado estadual pelo Sergipe, obtendo numerosa votação na cidade natal e Aracaju, sendo também votado em 65 municípios dos 74 existentes em Sergipe na ocasião.[3]

Referências

  1. «Aroaldo Alves de Santana (Tabelião, Prefeito e Deputado)». www.joaquimsantana.net. Consultado em 13 de junho de 2018. 
  2. «ILUSTRES». portofolha.com. Consultado em 13 de junho de 2018. 
  3. a b c «Administração Aroaldo Alves de Santana». www.joaquimsantana.net. Consultado em 14 de junho de 2018.