Arquipélago Malaio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Arquipélago malaio)
Ir para: navegação, pesquisa
Arquipélago Malaio, ou Insulíndia, ou Insulásia
Location Malay Archipelago.png
Localização do Arquipélago Malaio
Geografia física
País Indonésia
 Brunei
Timor-Leste
 Malásia
Filipinas
 Singapura
Localização Sudeste Asiático, Oceania
Arquipélago >20 000 ilhas, sendo as maiores Bornéu, Java, Luzon, Mindanau, Nova Guiné, Celebes, Samatra
Ponto culminante Pirâmide Carstensz - 4884 m
Área >2 000 000  km²
Geografia humana
População 350 milhões[1] (2006)
MalayArchipelago.jpg
Mapa do Arquipélago Malaio, excluindo a região da Nova Guiné.

O arquipélago Malaio, também conhecido como Insulíndia e Insulásia, é um vasto e numeroso grupo de ilhas situado entre o continente do Sudeste Asiático e a Austrália, na região da Austronésia. Localizado entre os oceanos Índico e Pacífico, este grupo de mais de 20 000 ilhas é o maior arquipélago do mundo por área. As ilhas dividem-se por territórios da Indonésia, Filipinas, Singapura, Brunei, Malásia, Timor-Leste e a maior parte da Papua-Nova Guiné.[2] Há, entretanto, argumentos para excluir o último país por razões culturais e geográficas: a Papua-Nova Guiné é culturalmente completamente diferente dos outros países da região, e a ilha de Nova Guiné geologicamente não faz parte do continente asiático, como as ilhas de Sonda[2] ao passo que a Malásia peninsular também é incluída no Sudeste Asiático Marítimo[3].

O arquipélago é alguma vezes conhecido como Índias Orientais, mas algumas autoridades aplicam um significado muito mais amplo a este termo para incluir a Indochina e o subcontinente indiano. A região conhecida como Sudeste Asiático Marítimo é mais ou menos de extensão igual ao Arquipélago Malaio. Atualmente, o topônimo Insulíndia está em desuso.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O arquipélago Malaio inclui muitos grupos que podem ser considerados como arquipélagos por si próprios. Os maiores são:

A área do arquipélago é de mais de 2 milhões de km², e a população presente é de mais de 300,000,000 habitantes. As maiores ilhas são: Nova Guiné (quando incluída), Bornéu, e Samatra. A mais densamente povoada é a ilha de Java.

Geologicamente o arquipélago é a região do mundo com mais atividade vulcânica. O clima, por se encontrar na imediações do Equador, é tropical.

O arquipélago Malaio é atravessado pela chamada Linha de Wallace, uma zona de fronteira entre as diferentes regiões zoogeográficas da Ásia e da Australásia. A oeste e a norte da linha estão os organismos relacionados ao ecossistema asiático; a leste e a sul, os relacionados às espécies australo-asiáticas ou oceânicas. A linha foi identificada pelo naturalista Alfred Russel Wallace, em cuja homenagem foi batizada. Ele foi o primeiro a notar a divisão entre os dois ecossistemas durante suas viagens pelas Índias Orientais no século XIX. A linha atravessa o arquipélago Malaio, entre Bornéu e Celebes, e entre Bali (a oeste) e Lombok (a leste). Evidências da divisória já haviam sido notadas 300 anos antes por Antonio Pigafetta nos contrastes biológicos entre as Filipinas e as Ilhas das Especiarias, durante a viagem de Fernão de Magalhães em 1521.

Referências

  1. Department of Economic and Social Affairs Population Division (2006). World Population Prospects, Table A.2 (.PDF). 2006 revision. United Nations. pp. 37–42. Consultado em 30 de junho de 2007  line feed character character in |author= at position 42 (ajuda)
  2. a b "Malay Archipelago." Encyclopedia Britannica. 2006. Chicago: Encyclopedia Britannica, Inc.
  3. "Maritime Southeast Asia." Worldworx Travel. Acesso em 26 de maio de 2009.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Wallace, Alfred Russell (1869) - The Malay Archipelago vol. 1 [1] e vol. 2 [2]

Ver também[editar | editar código-fonte]