Avatchinski

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Avachinsky)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Avatchinski
Cume do Avatchinski
Avatchinski está localizado em: Rússia
Avatchinski
Avatchinski, Rússia
Coordenadas 53° 15' 18" N 158° 49' 48" E
Altitude 2 741 m
Proeminência 1 550 m
Listas Ultra
Localização Península de Kamtchatka,  Rússia
Última erupção Outubro de 2001[1]

Avatchinski (também conhecido como Avatcha ou Avatchinskaia Sopka) (em russo: Авачинская сопка, Авача) é um estratovulcão ativo localizado na península de Kamtchatka no extremo leste da Rússia. É visível da capital do krai de Kamtchatka, Petropavlovsk-Kamtchatski. Junto com o vulcão vizinho Koriakski, foi designado como um dos Vulcões da Década, vulcões identificados pela Associação Internacional de Vulcanologia e Química do Interior da Terra (IAVCEI, na sigla em inglês) como merecedores de estudos particulares frente a sua história de grandes e destruidoras erupções e proximidade a áreas habitadas.

Sua última erupção ocorreu em 2001. Esta erupção foi pequena comparada com sua erupção de 1945, de grau 4 no índice de explosividade vulcânica. O Avatchinski tem 2 741 metros de altitude.[1]

História geológica[editar | editar código-fonte]

O vulcão Avatchinski pertence ao círculo de fogo do Pacífico, no ponto que a placa do Pacífico está a deslizar por baixo da placa eurasiática num ritmo de 80 mm por ano. A faixa de manto residindo na zona de subducção entre as duas placas é a fonte do intenso vulcanismo na península de Kamtchatka. O vulcão é um dos mais ativos da península, e começou sua atividade vulcânica na segunda metade do Pleistoceno. Apresenta uma caldeira vulcânica no formato duma ferradura, a qual se formou 30-40 000 anos atrás num grande deslizamento de terra que cobriu uma área de 500 km² ao sul do vulcão, cobrindo a cidade de Petropavlovsk-Kamtchatski. A reconstrução do cone dentro da caldeira ocorreu em duas grande fases, há 18 000 e há 7 000 anos.[2][3][4]

Atividade recente[editar | editar código-fonte]

O vulcão Avatchinski irrompeu pelo menos dezesseis vezes na sua história registrada. Erupções foram geralmente explosivas, fluxo piroclástico e lahar tenderam a se dirigir para o sudoeste através da abertura da caldeira. A mais recente grande erupção (IEV=4) ocorreu em 1945, quando por volta de {{fmtn|0.25|[[quilómetro cúbico|km³}} de magma foi liberado. O vulcão desde então teve pequenas erupções em 1991 e 2001.

O vulcão continua a gerar frequentes sismos, e muitas fumarolas existem próximas ao cume. A temperatura dos gases emitidos nestas fumarolas foram medidas em mais de 400 °C. Devido à sua proximidade a Petropavlovsk-Kamtchatski, Avatchinski foi designado um Vulcão da Década em 1996 como parte da Década Internacional para a Redução de Desastres Naturais, apoiada pelas Nações Unidas, conjuntamente com o vulcão vizinho Koriakski.

Referências

  1. a b «Avachinsky». Programa Global de Vulcanismo. Smithsonian Institution. Consultado em 5 de março de 2010 
  2. Droznin, D.; Levin, V.; Park, J.; Gordeev, E. (2002), «Detailed Mapping of Seismic Anisotropy Indicators in Southeastern Kamchatka», American Geophysical Union, Fall Meeting 2002 .
  3. Levin, V.; Park, J.; Gordeev, E.; Droznin, D. (2002), «Complex Anisotropic Structure of the Mantle Wedge Beneath Kamchatka Volcanoes», American Geophysical Union, Fall Meeting 2002 .
  4. Taran, Y. A.; Connor, C. B.; Shapar, V. N.; Ovsyannikov, A. A.; Bilichenko, A. A. (1997), «Fumarolic activity of Avachinsky and Koryaksky volcanoes, Kamchatka, from 1993 to 1994», Bulletin of Volcanology, 58 (6): 441–448, Bibcode:1997BVol...58..441T, doi:10.1007/s004450050152 .

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Avatchinski