Benoît Moundélé-Ngollo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Benoît Moundélé-Ngollo
Ministro das Obras Públicas e Construção
Período 1979 a 1989
Presidente Denis Sassou-Nguesso
Dados pessoais
Nascimento 22 de setembro de 1943 (76 anos)
Tsambitso (Oyo)
Nacionalidade República do Congo
Esposa Adélaïde Moundélé-Ngollo
Profissão militar e escritor
Serviço militar
Graduação General de divisão

Benoît Moundélé-Ngollo (Tsambitso (Oyo), 22 de setembro de 1943) é um militar, político e escritor congolês. Foi ministro das Obras Públicas e Construção (1979-1989).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Benoît Moundélé-Ngollo nasceu em Tsambitso no departamento de Cuvette.[1] No exército congolês, alcançou o posto de general de divisão.[2]

Foi nomeado Ministro das Obras Públicas e Construção (1979-1989) durante a primeira presidência de Denis Sassou-Nguesso. Também lutou por este último durante a guerra civil,[3] onde também ocupou o cargo de diretor de edifícios e fortificações das forças armadas congolesas (1992-1997). É então nomeado Assessor Especial da Presidência da República (1997-1999).[2]

Após a guerra, foi eleito prefeito de Brazaville em 19992. Juntamente com sua esposa, a política Adélaïde Moundélé-Ngollo, desempenhou um papel fundamental nas negociações de paz com o Pastor Ntumi. Em fevereiro de 2003, tornou-se prefeito do departamento de Brazzaville.[3]

Escreveu vários livros, entre os quais Lettres ouvertes e Mea maxima culpa (2009), nos quais manifesta pesar por algumas de suas ações durante a guerra civil e denuncia os golpes militares.[3][4]

Referências

  1. «Parution : Benoît Moundélé-Ngolo publie « Micmacs et tripatouillages politiques en démocratie » | adiac-congo.com : toute l'actualité du Bassin du Congo». adiac-congo.com. Consultado em 27 de março de 2019 
  2. a b Moundélé-Ngollo. [S.l.: s.n.] 
  3. a b c Clark, John Frank; Decalo, Samuel (2012). Historical dictionary of Republic of the Congo 4th ed ed. Lanham, MD: Scarecrow Press. ISBN 9780810879898. OCLC 809536907 
  4. Baouna, Bedel (29 de dezembro de 2009). «Un général de l'armée congolaise se repent». Afrik.com (em francês). Consultado em 27 de março de 2019