Boldenona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estrutura química de Boldenona
Boldenona
Star of life caution.svg Aviso médico
Nome IUPAC (sistemática)
(8R,9S,10R,13S,14S,17S)-17-hydroxy-10,13-dimethyl-6,7,8,9,11,12,14,15,16,17-decahydrocyclopenta[a]phenanthren-3-one
Identificadores
CAS  ?
ATC  ?
PubChem 13308
Informação química
Fórmula molecular C19H26O2 
Massa molar 286.409 g/mol
Farmacocinética
Biodisponibilidade  ?
Metabolismo Fígado, Testículo e Próstata
Meia-vida 13-14 dias
Excreção Urina
Considerações terapêuticas
Administração Injeção intramuscular
DL50  ?

Boldenona, conhecido por Δ1-testosterone é um esteroide anabolizante, com propriedades androgênicas. A boldenona nunca foi comercializada. Ela é utilizada na veterinária.

Efeitos colaterais[editar | editar código-fonte]

Farmacologia[editar | editar código-fonte]

A boldenona é anabólica, com baixa potência androgênica. A boldenona aumentará a retenção de nitrogênio, a síntese de proteínas, irá estimular o apetite e irá estimular a liberação de eritropoietina nos rins.[1] A boldenona foi sintetizada objetivando o desenvolvimento de uma metandrostenolona injetável de longa duração. A boldenona atua de forma semelhante à metandrostenolona, com menos efeitos androgênicos adversos. Apesar de ser comparada com a nandrolona, a boldenona não possui interação com o receptor de progesterona e todos os efeitos colaterais progestogênicos associados.

Química[editar | editar código-fonte]

A boldenona, conhecida pela comunidade científica como Δ1-testosterone1-dehydrotestosterone, ou androsta-1,4-dien-17β-ol-3-one é um esteroide sintético, derivado da testosterona. É o mesmo que a testosterona com uma ligação dupla entre as posições moleculares C1 e C2.

Sociedade, Leis e Cultura[editar | editar código-fonte]

Nomes comerciais[editar | editar código-fonte]

A boldenona é vendida como uma droga veterinária. É vendido como undecilenato de boldenona (um derivado da boldenona), com os seguintes nomes: Boldebal H, Equipoise, Equifort e Sybolin.[2]

Regulamentação[editar | editar código-fonte]

O uso e porte de esteroides anabolizantes no Brasil sem receita médica é crime.[3] A boldenona é permitida apenas para uso veterinário. No México, é totalmente legal a compra e venda de anabolizantes. Não existem informações relevantes sobre a regulamentação da boldenona nos demais países.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Forbes GB (1985) The effect of anabolic steroids on lean body mass the dose response curve. Metab Clin Exp 34(6) 571–573
  2. «Boldenone - Drugs.com». Drugs.com (em inglês) 
  3. «L9965». www.planalto.gov.br. Consultado em 2 de outubro de 2017