Brad Mehldau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Brad Mehldau
Nascimento 23 de agosto de 1970 (48 anos)
Jacksonville
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Berklee College of Music
Ocupação pianista, compositor, músico de jazz, músico
Página oficial
http://www.bradmehldau.com, http://www.bradmehldau.de

Brad Mehldau (Jacksonville, 23 de agosto de 1970) é um pianista de jazz norte-americano.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Brad começou a tocar piano aos 6 anos de idade e estudou piano clássico até os 14 anos de idade. Brad se apresentando com banda da escola, quando estudava na high school em Connecticut.

Estudou piano e composição na famosa Berklee College of Music e na New School for Jazz & Contemporary Music. Entre os seus professores estavam Kenny Werner, Junior Mance e Fred Hersch, este último sendo o que mais o influenciou.

Enquanto estudava na New School for Social Research, o baterista Jimmy Cobb o convidou para integrar a banda.

Mehldau tocou por dois anos com Joshua Redman, e depois com Charlie Haden, Lee Konitz, e gravou com Wayne Shorter, John Scofield e Charles Lloyd.

Em 1995 Mehldau formou o próprio trio, com o baixista Larry Grenadier e o baterista Jeff Ballard.

Em 1997 gravou seu segundo disco, The Art of the Trio, o qual recebeu uma nomeação para o Grammy. Em 1998, Mehldau gravou a continuação, The Art of the Trio, Vol. 2, gravado ao vivo no Village Vanguard de New York.

As principais influências são Franz Schubert, Oscar Peterson, Keith Jarrett Miles Davis e John Coltrane.

O estilo é muito comparado a Bill Evans, comparação que não o agrada, conforme explica em sua introdução a The Art of the Trio IV.

Nutre grande admiração pela música brasileira, em especial Milton Nascimento, Chico Buarque e Simone. Em 2006 apresentou-se no Auditório do Ibirapuera e declarou: Descobri Simone no ano passado e foi como conhecer Sarah Vaughan ou Dinah Washington. Ela tem uma identidade forte, canta com muita paixão e graça [1].

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1994 When I Fall in Love
  • 1995 Introducing Brad Mehldau
  • 1997 The Art of the Trio, Vol. 1
  • 1998 The Art of the Trio, Vol. 2: Live at the Village Vanguard
  • 1998 The Art of the Trio, Vol. 3:
  • 1999 Elegiac Cycle
  • 1999 The Art of the Trio, Vol. 4: Back at the Vanguard
  • 2001 Art of the Trio, Vol. 5: Progression
  • 2002 Largo
  • 2004 Anything Goes
  • 2004 Live in Tokyo
  • 2005 Day Is Done
  • 2005 Love Sublime
  • 2006 House On Hill
  • 2006 Metheny Mehldau

Referências

  1. Folha de S. Paulo, 09 de junho de 2006

Ligações externas[editar | editar código-fonte]