Broca-do-café

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2015). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Broca-do-café é o nome popular do besouro cuja larva se alimenta das sementes do cafeeiro. O nome científico é Hypothenemus hampei, inseto coleóptero da família dos escolitídeos, que perfura os frutos do cafeeiro, onde deposita seus ovos; ao eclodirem, as larvas se alimentam das sementes, destruindo-as completamente ou danificando-as.

É originário da África e espalhou-se por quase todas as regiões produtoras de café (inclusive o Brasil).

O combate da broca se dá pela pulverização de inseticidas (controle químico) e coleta dos frutos de café remanescentes nas plantas após a colheita (controle cultural).

Ada Rogato foi pioneira em voos de fumigação no combate à broca-do-café.


Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada.
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.