Bruno Jasieński

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bruno Jasieński
Nome nativo Bruno Jasieński
Nascimento 17 de julho de 1901
Klimontów
Morte 17 de setembro de 1938 (37 anos)
Moscou
Sepultamento Campo de fuzilamento de Communarka
Cidadania Polónia
Etnia judeu
Alma mater Universidade Jaguelônica
Ocupação poeta, escritor, escritor de ficção científica, dramaturgo

Bruno Jasieński (17 de julho de 1901 – Moscou, 17 de setembro de 1938) pseudônimo de Wiktor Bruno Zysman, foi um poeta, prosador e dramaturgo comunista polonês ligado ao movimento revolucionário proletário e um dos fundadores do Futurismo naquele país, do qual foi líder.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Conforme a “Mala Encyklopedia Powszechna” (Pequena Enciclopédia Universal), de 1959, publicação oficial da Polônia, "Em 1937 foi preso na URSS, sob falsa acusação, e faleceu no cárcere" no ano de 1942.[1]

Outras fontes citam que o poeta pode ter morrido em 1939, tendo contraído tifo, ou em 17 de setembro de 1938, no mesmo campo de prisioneiros que Osip Mandelstam.[2][3]

Referências

Ligações externa[editar | editar código-fonte]