Caio Válgio Rufo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Caio Válgio Rufo
Cônsul do Império Romano
Consulado 12 a.C.

Caio Válgio Rufo (em latim: Gaius Valgius Rufus) foi um político romano eleito cônsul em 12 a.C.. É conhecido principalmente por ser um poeta em latim e por sua amizade com Horácio e Mecenas.

História[editar | editar código-fonte]

Rufo era conhecido por suas elegias e epigramas. Seus contemporâneos acreditavam também que ele era capaz de criar grandes épicos. O autor do panegírico de Marco Valério Messala Corvino declarou que Rufo era o único poeta capaz de se comparar a Homero.

Contudo, ele não se limitou à poesia. Rufo discutiu questões gramaticais em sua correspondência, traduziu um manual retórico de seu professor, Apolodoro de Pérgamo, e começou um tratado sobre plantas medicinais dedicado a Augusto. Horácio ajudou-o na nona ode de seu segundo livro.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Cônsul do Império Romano
Vexilloid of the Roman Empire.svg
Precedido por:
'Tibério I

com Públio Quintílio Varo

Marco Valério Messala Apiano
12 a.C.

com Públio Sulpício Quirino
com Caio Válgio Rufo (suf.)
com Caio Canínio Rébilo (suf.)
com Lúcio Volúsio Saturnino (suf.)

Sucedido por:
'Quinto Élio Tuberão

com Paulo Fábio Máximo


Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Weichert, R. (1830). Poetarum Latinorum Vitae et Carminum Reliquiae (em inglês). [S.l.: s.n.] 
  • Unger, Robert (1848). De Valgii Rufi poematis (em inglês). [S.l.: s.n.] 
  • Ribbeck, Otto (1889). Ribbeck Geschichte der romischen Dichtung (em alemão). ii. [S.l.: s.n.] 
  • Schanz, Martin (1899). Geschichte der romischen Litteratur (em alemão). ii. [S.l.: s.n.] 
  • Teuffel, Wilhelm Siegmund (1900). History of Roman Literature (em inglês). [S.l.: s.n.] p. 241 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]