Calunga (boneca)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Calunga, veja Calunga (desambiguação).
Bloco de maracatu em Olinda, Calunga vai na frente.

Calunga ou Boneca, é um elemento sagrado dos Candomblés de Pernambuco, no Brasil.

Deu origem e passou a ser a figura central nos cortejos. É uma boneca de madeira, ricamente vestida e que simboliza uma entidade ou rainha já morta. Sem ela o Maracatu não sai.

Calunga seria a Lunga ou malunga, que é plural em quimbundo da palavra "lunga".

Foi trazida de Angola pelos escravos para o Nordeste brasileiro, fazendo parte do cortejo do Maracatu Nação.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • COSTA E SILVA, Alberto da. A enxada e a lança: a África antes dos portugueses. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1992.
  • PEIXE, César Guerra. Em Maracatus do Recife. Recife: Fundação de Cultura, 1981. 172 p. Il. (Coleção Recife, v. 14).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre o Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.