Centro Cultural Internacional Oscar Niemeyer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Centro Cultural Internacional Oscar Niemeyer
Tipo Centro cultural internacional
Inauguração 2011
Website www.niemeyercenter.org
Geografia
Localidade Avilés, (Astúrias) Flag of Spain.svg Espanha

O Centro Cultural Internacional Oscar Niemeyer, o "Centro Niemeyer" é um complexo cultural localizado em Avilés, Astúrias (Espanha).

"Uma praça aberta ao redor do mundo, um lugar para educação, cultura e paz", nas palavras de Oscar Niemeyer.

Oscar Niemeyer: A concepção[editar | editar código-fonte]

O centenário arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer (criador dos mais importantes edifícios da cidade de Brasília, e um dos mitos da arquitetura universal) recebeu o Prémio Príncipe das Astúrias em 1989, sendo esta a origem do relacionamento do arquiteto com o Principado das Astúrias. Anos mais tarde, Niemeyer doou um projeto ao Principado. Seu projeto pretende ser um dos compromissos internacionais na produção de conteúdos culturais, associados a uma zona dedicada à excelência em educação e cultura. Este é o seu único trabalho na Espanha, e, nas palavras do próprio Oscar Niemeyer, o mais importante[1] de tudo quanto fez na Europa. Esta foi também a razão pela qual o Centro Cultural Internacional recebeu o nome de seu criador.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O complexo cultural proposto consiste de cinco peças separadas e complementares:[2]

  • Praça: aberta ao público, onde serão agendadas atividades culturais e recreativas de forma permanente.
  • Auditório: para cerca de 1.100 espectadores.
  • Cúpula: espaço de exposição diáfano com cerca de 4.000 m².
  • Torre: mirante sobre o estuário e a cidade, com 13 metros de altura, onde se localiza o restaurante.
  • Edifício polivalente: abriga o Film Centre, espaços para ensaios, reuniões e conferências.

Passo a passo[editar | editar código-fonte]

A primeira pedra foi colocada em abril de 2008, dando lugar aos primeiros estudos de solo antes do início das obras. É um projeto desenvolvido pelo Governo da Espanha e pelo Principado das Astúrias. O primeiro edifício construído foi a "cúpula", para a qual utilizou uma técnica inovadora na construção de espaços para fins artísticos.

Paseo da Ría de Avilés - Astúrias - Espanha.

O centro foi inaugurado na Primavera de 2011

Regeneração urbana: "o efeito Niemeyer"[editar | editar código-fonte]

Além da sua dimensão cultural, o Centro Internacional Cultural Oscar Niemeyer de Avilés tem um elemento ambiental muito importante, é a parte central de um longo processo de regeneração urbana que modificará o aspecto da cidade. Ajudará no processo de limpar o rio Avilés e eliminará o trânsito pesado da área do porto, converterá os espaços em áreas esportivas e lúdicas. Esta área é chamada agora La isla de la innovación ("a ilha da inovação"). O Centro serve como um motor para a recuperação económica de uma área urbana degradada e em processo de transformação industrial.

Um polo de conhecimento[editar | editar código-fonte]

Centro Niemeyer começando a tomar forma na paisagem de Avilés.

O Centro Niemeyer é concebido como um ímã capaz de atrair talentos, um polo de conhecimento e criatividade. Nesta perspectiva, não é apenas uma porta de entrada para o melhor da cultura universal, mas também uma fábrica de produção de conteúdos. Para o efeito, o Centro Niemeyer irá funcionar em rede com alguns dos mais prestigiados centros culturais na cena internacional. Neste sentido, em dezembro de 2007, o Centro Niemeyer organizou o primeiro Fórum Mundial de Centros Culturais em Avilés (também conhecido como o G8 da Cultura), do qual participaram o Lincoln Center de Nova York, o Barbican Centre de Londres, o Sydney Opera House, o Centro Pompidou de Paris, a Biblioteca de Alexandria, o Fórum Internacional de Tokyo e o Hong Kong Cultural Center.[3]

Film Center[editar | editar código-fonte]

Uma das atividades em curso do Centro Niemeyer é o centro de Cinema. Dirigido por Woody Allen, que propôs a ideia para o Governo do Principado das Astúrias, após várias visitas ao Principado. Woody Allen tem mostrado o seu apoio ao centro de Avilés, com visitas à cidade e incluindo-a no seu primeiro filme rodado na Espanha. Em outubro de 2008 foi noticiado na imprensa que o European Film Academy irá colaborar com o Centro Niemeyer.

Gastronomia[editar | editar código-fonte]

O Centro tem três eventos dedicados a esta ciência: o restaurante e cocktails (Torre) e na barra de gastro-bar (no prédio multiuso).

Exposições[editar | editar código-fonte]

A sala de exposições vasta principal está no Domo. A segunda sala, de menores dimensões está no foyer do auditório.

Outras artes[editar | editar código-fonte]

Educação, música, teatro, dança,... O Centro Niemeyer abriga diferentes tipos de manifestações artísticas e culturais, incluindo-as em sua programação.

Centro Niemeyer
Centro Niemeyer

A Fundação Centro Cultural Oscar Niemeyer[editar | editar código-fonte]

Em 2008 foi criada uma fundação que é responsável pela programação das atividades, com o objetivo de apresentá-lo ao cenário internacional, de modo a formar uma rede e criar uma marca sólida e prestigiada. A Fundação Centro Cultural é dirigido por Oscar Niemeyer e Natalio Grueso.

O Centro também possui um conselho consultivo internacional que trabalha com a equipe de gestão na definição dos objetivos e na elaboração dos conteúdos. Este conselho consultivo é composto por personalidades de grande projeção internacional. Hoje, este Conselho é formado pelo cineasta Woody Allen,[4] o cientista Stephen Hawking,[5] o escritor Paulo Coelho,[6] e o criador da Internet e vice-presidente do Google, Vinton Cerf. A incorporação destas personalidades pretende refletir o nível de excelência que buscam todas as atividades que estão planejadas para o Centro Niemeyer.[7]

Paulo Coelho autografa livros em Avilés em 29 de maio de 2008.

O Centro Niemeyer também deu início a uma parceria com o London School of Economics, com o Instituto Cervantes, com o Teatro Old Vic de Londres (atualmente dirigido pelo ator Kevin Spacey), com a Fundação María Cristina Masaveu Peterson, com o Ministério da Cultura da Espanha e com a Caixa-Forum (La Caixa).

Atividade[editar | editar código-fonte]

Mesmo antes da conclusão das obras, a Fundação tem desenvolvido vários programas, alguns dos quais foram:

A apresentação do programa inaugural criou grande emoção, sendo a prova de que esgotou os 10 mil convites para o concerto de abertura de Woody Allen e The New Orleans Jazz Band.

Sua programação está disponível através do site oficial.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Melhor Projeto Nacional, Barcelona Meeting Point[9]
  • Melhor Projecto Urbano nos prêmios ao Êxito Empresarial em Astúrias [10]

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Centro Cultural Internacional Oscar Niemeyer