Chama Acesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Chama Acesa
Álbum de estúdio de Ivan Lins
Lançamento 1975 (1975)
Gênero(s) Música popular brasileira, jazz
Duração 40:14
Idioma(s) português
Formato(s) CD, disco de vinil, download digital
Gravadora(s) Sony Music
Cronologia de Ivan Lins
Modo Livre
(1974)
Somos Todos Iguais Nesta Noite
(1977)

Chama Acesa é o quinto álbum de estúdio do cantor e compositor brasileiro Ivan Lins.[1]

Lançado em 1975, é o primeiro disco do artista lançado pela gravadora Sony Music. O disco, que ficou fora de catálogo por vários anos, foi relançado em 2015 pelo selo Kuarup, sob licença da gravadora original, em consonância com o aniversário de 70 anos do cantor. [2] Este é um dos importantes trabalhos de Ivan, que estabelece sua parceria com o paulista Vítor Martins, consolidando o trabalho de Lins como compositor. Originalmente lançado no formato de disco vinil, foi relançado como CD em 2001.[3][4]

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

Chama acesa[5]
N.º TítuloLetra Duração
1. "Sorriso Da Mágoa"  Ivan Lins 4:41
2. "Nesse botequim"  Lins 2:43
3. "Chama acesa"  Lins, Paulo César Pinheiro 1:59
4. "Lenda do Carmo"  Lins, Vítor Martins 5:40
5. "Joana Dos Barcos (Beira-Mar)"  Lins, Martins 2:37
6. "Ventos de Junho"  Lins, Martins 2:54
7. "Não há porque"  Lins, Ronaldo Monteiro 4:11
8. "Demônio de Guarda"  Lins, Martins 3:49
9. "Poeira, cinza e fumaça"  Lins, Pinheiro 3:20
10. "Palhaços e reis"  Lins, Monteiro 4:33
11. "Corpos"  Lins, Martins 3:57
Duração total:
40:14

Créditos[6][editar | editar código-fonte]

  • Produção: Raymundo Bittencourt
  • Instrumentistas:
    • Gilson Peranzzetta: piano elétrico, órgão, arp
    • Ricardo Ribeiro: flauta, sax-alto, sax-soprano e vocal
    • Fred Barbosa: baixo elétrico, percussão e vocal
    • João Cortez: bateria, percussão e vocal
    • Ivan Lins: piano, órgão, violão e voz
  • Direção artística: Carlos Guarany
  • Coordenação artística e direção de estúdio: Raymundo Bittencourt
  • Arranjos: Ivan Lins, Banda Modo Livre
  • Técnicos de gravação: Stélio Carlini, Walter Lima, Mário Jorge Bruno
  • Técnicos de mixagem: Gunther Kilbekstis, Edgardo Rapetti
  • Gravação e mixagem: RCA Rio de Janeiro, em 16 canais
  • Corte: José Oswaldo Martins
  • Participação especial: Banda Modo Livre
  • Fotos: Ivan Klingen
  • Arte: Ney Tavora
  • Adaptação da arte para CD: Kuarup Produções
  • Remasterização: Ricardo Carvalheira

Referências

  1. Almanaque da Cultura (ed.). «Kuarup reedita dois álbuns importantes de Ivan Lins». Consultado em 26 de abril de 2018 
  2. Rádio Cultura Brasil (ed.). «Modo Livre e Chama Acesa: Ivan Lins». Consultado em 26 de abril de 2018 
  3. Mauro Ferreira (ed.). «Voltam dois álbuns de Ivan que abriram alas para parceria com Vitor Martins». Consultado em 26 de abril de 2018 
  4. Discos do Brasil (ed.). «"Chama acesa" no portal Discos do Brasil». Consultado em 26 de abril de 2018 
  5. CliqueMusic (ed.). «CHAMA ACESA - Ivan Lins (1975)». Consultado em 26 de abril de 2018 
  6. Informações adaptadas do encarte do disco