Cláudio de Lorena, Duque de Guise

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cláudio de Lorena, Duque de Guise
Nome nativo Claude de Lorraine
Nascimento 20 de outubro de 1496
Custines
Morte 12 de abril de 1550 (53 anos)
Joinville
Cidadania França
Progenitores Mãe:Filipa de Gueldres
Pai:Renato II de Lorena
Cônjuge Antonieta de Bourbon
Filho(s) Maria de Guise, Francisco, Duque de Guise, Carlos de Lorena-Guise, Cláudio II de Aumale, Luís I de Lorena, Cardeal de Guise, Renê de Lorena, Marquês de Elbeuf, Luísa de Lorena
Irmão(s) Luís, Conde de Vaudémont, Francisco de Lorena, António da Lorena, João de Lorena
Ocupação feudatário
Título Conde de Guise, Duque de Guise, Conde de Aumale, Senhor de Joinville, Barão de Elbeuf, Barão de Lambesc
Armoiries ducs de Guise.svg

Cláudio de Lorena, Cáudio I de Guise ou Cáudio I de Aumale (em francês: Claude de Lorraine, Castelo de Condé-sur-Moselle, 20 de outubro de 1496 – Castelo de Joinville, 12 de abril de 1550) foi um príncipe da Casa de Lorena e primeiro Duque de Guise, de 1528 até sua morte.

Filiação[editar | editar código-fonte]

Era o segundo filho de Renato II de Lorena, e foi educado na Corte francesa sob auspícios de Francisco I. Aos dezessete anos, Cláudio fez uma aliança com a Casa Real de França pelo seu casamento com Antonieta de Bourbon (1493–1583), filha de Francisco de Vendôme.

Cláudio se distinguiu durante a batalha de Marignano (1515), e rapidamente recuperou-se dos vinte e dois ferimentos que sofreu na batalha. Em 1521 lutou em Fuenterrabia, e a Luísa de Saboia descreveu a captura do local sitiado. Em 1523 foi feito governador da Champagne e da Burgúndia, depois de haver derrotado em Neufchâteau as tropas imperiais que haviam invadido aquela província. Em 1525 destruiu o exército dos camponeses anabatistas, que estavam infestando a Lorena na França até Lupstein, próximo a Saverne.

Com o retorno de Francisco I de seu cativeiro em 1528, Cláudio foi feito Duque de Guise no Pariato da França, quando até aquele momento apenas príncipes da Casa Real haviam ostentado o título de duques pares de França. Os Guise, como cadetes da casa soberana de Lorena e descendentes da Casa de Anjou, reivindicaram precedência aos príncipes de Condé e de Conti.

Suas pretensões e ambições inspiraram a desconfiança em Francisco I, embora este recompensasse os préstimos de Guise através de significativos prêmios em terras e dinheiro. O Duque distinguiu-se novamente na campanha de Luxemburgo em 1542, mas nos anos que precederam sua morte foi obscurecido ante as fortunas crescentes de seus filhos.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]

Ancestrais de Cláudio em três gerações
Cláudio, Duque de Guise Pai:
Renato II de Lorena
Avô paterno:
Frederico, Conde de Vaudémont
Bisavô paterno:
Antoine, Conde de Vaudémont
Bisavó paterna:
Marie d'Harcourt
Avó paterna:
Yolanda de Lorena
Bisavô paterno:
Renato I de Nápoles
Bisavó paterna:
Isabela de Lorena
Mãe:
Filipa de Lorena
Avô materno:
Adolfo de Egmond
Bisavô materno:
Arnoldo de Gelderland
Bisavó materna:
Catherine of Cleves
Avó materna:
Catarina de Bourbon
Bisavô materno:
Carlos I de Bourbon
Bisavó materna:
Agnes da Burgúndia

Filhos[editar | editar código-fonte]

Antecessor Cláudio I de Aumale
1526 - †1573
Sucessor
Cláudio é o primeiro da Casa de Aumale Armoiries duc d'Aumale.svg
Brasão dos duques de Aumale
(1550 - 1573)
Cláudio II de Aumale

Referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cláudio de Lorena, Duque de Guise