Cloreto de vinila

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cloreto de vinila
Alerta sobre risco à saúde
Vinyl-chloride-2D.png Vinyl-chloride-3D-vdW.png
Nome IUPAC Cloroeteno
Identificadores
Número CAS 75-01-4
SMILES
Propriedades
Fórmula molecular CH2CHCl
Massa molar 62.498 g/mol
Aparência Gás incolor
Densidade 0.91 g/ml
Ponto de fusão

- 154 °C (119 K)

Ponto de ebulição

-13 °C (259 K)

Solubilidade em água Insolúvel
Riscos associados
MSDS External MSDS
Compostos relacionados
monômeros relacionados Etileno, Tetrafluoretileno
Compostos relacionados Tricloroetileno, Cloreto de etila
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Em química, o cloreto de vinila, cujo nome IUPAC é cloroeteno, é o composto orgânico de fórmula química C2H3Cl.

Ele é o monômero do PVC, estudos mostram riscos ocupacionais aos trabalhadores envolvidos na fabricação desse monômero e/ou polímero (PVC), os estudos mostram casos de angiosarcoma, um tipo de câncer do fígado, assim como câncer em outros órgaos, entre trabalhadores da indústria de PVC, como extrusoras de PVC[1], enquanto que a inalação da serragem de PVC pode aumentar as chances de câncer de pulmão,[2] o que acarreta um risco ocupacional a um grupo de trabalhadores e trabalhadoras mais amplo, pois o uso de tubulação de PVC está amplamente presente na construção civil brasileira.

Ícone de esboço Este artigo sobre um composto orgânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Maltoni, C.; Clini, C.; Vicini, F.; Masina, A. (1984). «Two cases of liver angiosarcoma among polyvinyl chloride (PVC) extruders of an Italian factory producing PVC bags and other containers». American Journal of Industrial Medicine. 5 (4): 297–302. ISSN 0271-3586. PMID 6539068 
  2. Wagoner, J K (October 1983). «Toxicity of vinyl chloride and poly(vinyl chloride): a critical review.». Environmental Health Perspectives. 52: 61–66. ISSN 0091-6765. PMC PMC1569348Acessível livremente Verifique |pmc= (ajuda). PMID 6360677  Verifique data em: |data= (ajuda)