Cneu Cornélio Lêntulo (cônsul em 97 a.C.)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Cneu Cornélio Lêntulo.
Cneu Cornélio Lêntulo
Cônsul da República Romana
Consulado 97 a.C.

Cneu Cornélio Lêntulo (em latim: Cneus Cornelius Lentulus) foi um político da gente Cornélia da República Romana eleito cônsul em 97 a.C. com Públio Licínio Crasso Dives. Seu nome é conhecido apenas através dos Fastos Consulares e por uma citação posterior por Plínio, o Velho.[1] Era filho de Cneu Cornélio Lêntulo, cônsul em 146 a.C., e provavelmente o pai adotivo de Cneu Cornélio Lêntulo Clodiano, cônsul em 72 a.C.. Sabe-se que foi pretor em 100 a.C..

Ver também[editar | editar código-fonte]

Cônsul da República Romana
SPQR.svg
Precedido por:
'Quinto Cecílio Metelo Nepos

com Tito Dídio

Cneu Cornélio Lêntulo
97 a.C.

com Públio Licínio Crasso

Sucedido por:
'Caio Cássio Longino

com Cneu Domício Enobarbo


Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]