Colégio Des Oiseaux

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde maio de 2016). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.

O Colégio Des Oiseaux foi um tradicional colégio feminino de São Paulo, chegou em 1902 e foi inaugurado em 1907, conduzido pelas Cônegas de Santo Agostinho, ocupando terreno de 24.000 m² na esquina das ruas Augusta e Caio Prado, no distrito da Consolação.

Colégio Des Oiseaux

Projetado pelo arquiteto Victor Dubugras [1] para ser a residência da família de Fábio Uchoa,[2] o palacete foi executado sob as ordens do engenheiro Emilio Fagnani. A obra se concluiu em 1901. A Vila Uchoa, como ficou conhecida a edificação, foi vendida pela família para as cônegas de Santo Agostinho em 1906. Emilio Fagnani morreu pouco antes da inauguração do colégio, em 1907.

Segundo a pesquisadora da USP Graziela Serroni Perosa, "sua arquitetura de inspiração art nouveau emprestava um ar requintado ao colégio. [...] Os amplos jardins frontais e laterais do edifício garantiam a distância espacial conveniente da rua, à semelhança do que ocorria com as habitações das camadas de alta renda instaladas nesta parte da cidade. A extensão desses jardins permitia a entrada de automóveis transportando as alunas".[3]

Ali estudaram Ruth Cardoso e Marta Suplicy, entre outras alunas que vieram a se destacar no cenário cultural ou político. [4]

O prédio foi ampliado, para abrigar as salas de aula, mas encerrou suas atividades em 1969; na sequência, o prédio foi criminosamente demolido em 1974.

O bosque ali existente foi tombado por resolução do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo em dezembro de 2004 (RESOLUÇÃO 23/04), considerando "a a dimensão e a diversidade arbórea e arbustiva do lote e a avifauna existentes nesta região escassa de área verde" [1].

Nos fundos do terreno, com frente para a rua Marquês de Paranaguá, foi construído o Instituto Sedes Sapientiae que depois, foi transferida para o Morumbi, junto ao Colégio Nossa Senhora do Morumbi. [5]

As freiras da Ordem de Santo Agostinho mantêm duas outras escolas em São Paulo: o Colégio Madre Alix, o Colégio Nossa Senhora do Morumbi e a Instituto Sedes Sapientiae.[6][7]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • PMSP Lista das espécies encontradas no bosque.