David Deutsch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde dezembro de 2014). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


David Deutsch
Nascimento 1953 (66 anos)
Haifa
Nacionalidade  Israelense
Prêmios Medalha Dirac (1998)
Orientador(es) Dennis William Sciama
Orientado(s) Artur Ekert
Campo(s) Física

David Deutsch (Haifa, 1953) é um físico israelense da Universidade de Oxford. É pioneiro no campo dos computadores quânticos e um proponente da "Interpretação de muitos mundos" da mecânica quântica.[1]

Em seu livro A Essência da Realidade (The Fabric of Reality, em inglês), esta interpretação, ou o que ele chama a hipótese multiverso, é uma das quatro correntes da teoria de tudo, as outras sendo a epistemologia e filosofia da ciência de Karl Popper, o refinamento da teoria evolucionista darwiniana de Richard Dawkins, e a teoria da computabilidade de Alan Turing especialmente como a ideia de Deutsch desenvolveu de um computador quântico universal. Sua teoria de tudo é emergentista em vez de reducionista. Ela não aponta para a redução de tudo para partículas físicas, mas ao contrário para um auxílio mútuo entre multiverso, computabilidade, epistemologia e princípios evolutivos.

Politicamente, Deutsch é conhecido por ser simpatizante do libertarianismo, e foi um dos fundadores do movimento Taking Children Seriously.

Foi agraciado com a Medalha Dirac do Instituto de Física em 1998, e com o Prêmio Edge of Computation Science em 2005.

Publicações populares[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.