Dieter Oesterhelt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dieter Oesterhelt
Nascimento 10 de novembro de 1940 (77 anos)
Munique
Nacionalidade Alemanha Alemão
Prêmios Prêmio Karl Heinz Beckurts (1990), Medalha Otto Warburg (1991), Prêmio de Ciências Alfried Krupp (1998), Anel Werner von Siemens (1999), Medalha de Ouro Paul Karrer (2002)
Orientador(es) Feodor Lynen
Campo(s) Bioquímica

Dieter Oesterhelt (Munique, 10 de novembro de 1940) é um bioquímico alemão.

Vida[editar | editar código-fonte]

Após o Abitur no Theresien-Gymnasium München em 1959, Oesterhelt estudou química de 1959 a 1963 na Universidade de Munique. De 1964 a 1967 trabalhou em um doutorado no Instituto de Bioquímica da Universidade de Munique, orientado por Feodor Lynen, com a tese Der Multienzymkomplex der Fettsäuresynthetase aus Hefe. Em seguida foi até 1969 wissenschaftlicher Assistent no Instituto Max Planck de Química Celular.

De 1969 a 1973 foi Akademischer Rat no Instituto de Bioquímica da Universidade de Munique, onde conduziu pesquisas sobre estrutura, função e biossíntese da membrana púrpura de halobactérias.

Em 1999 recebeu o Anel Werner von Siemens.[1]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Carl Adam Petri
Anel Werner von Siemens
1999
Sucedido por
Jörg Schlaich


Ícone de esboço Este artigo sobre um bioquímico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.